Repositório Digital

A- A A+

A gestão dos resíduos eletroeletrônicos e suas consequências para a sustentabilidade : um estudo de múltiplos casos na Região Metropolitana de Porto Alegre

.

A gestão dos resíduos eletroeletrônicos e suas consequências para a sustentabilidade : um estudo de múltiplos casos na Região Metropolitana de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A gestão dos resíduos eletroeletrônicos e suas consequências para a sustentabilidade : um estudo de múltiplos casos na Região Metropolitana de Porto Alegre
Autor Santos, Carlos Alberto Frantz dos
Orientador Nascimento, Luis Felipe Machado do
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Gestão de resíduos
Logística reversa
Resíduos eletrônicos
Sustentabilidade
[en] Electronic Equipment
[en] Intersectoriality
[en] Reverse logistics
[en] Sustainability
[en] Waste electrical
Resumo A popularização dos equipamentos eletroeletrônicos, como computadores, notebooks, telefones celulares levaram a um aumento exponencial na geração deste tipo de resíduo. Uma das principais preocupações deste fenômeno está relacionada às práticas de descarte destes equipamentos e aos possíveis impactos causados por eles no meio ambiente, em função da presença de produtos químicos, tóxicos e de metais pesados no seu interior. Por outro lado, os Resíduos de Equipamentos Eletroeletrônicos (REEE) possuem metais preciosos que justificam sua reciclagem e ainda contribuem para a redução da exploração dos recursos naturais. Inserido neste contexto, esta pesquisa tem como objetivo geral analisar as consequências ambientais, sociais e econômicas decorrentes das práticas organizacionais de descarte, coleta, segregação, remanufatura e envio para destinação final dos REEE. Além disso, a pesquisa tem como objetivos específicos mapear a cadeia reversa dos REEE, identificar as limitações e as oportunidades presentes nesta cadeia reversa e, com base nestes resultados, propor sugestões de políticas públicas baseadas nos conceitos de Intersetorialidade. Para atingir os objetivos propostos, foi realizado um estudo de múltiplos casos na região metropolitana de Porto Alegre com três organizações usuárias de equipamentos eletrônicos; quatro organizações que realizam a coleta, segregação, remanufatura e o envio para destino final dos REEE; quatro órgãos públicos relacionados diretamente com a gestão deste tipo de resíduo, além de entrevistas com especialistas em Logística Reversa e REEE e Pesquisadores na área de reciclagem de REEE. Os dados foram coletados, principalmente, com a realização de entrevistas semiestruturadas com os gestores e responsáveis pelos REEE destas organizações. Estes dados foram submetidos à análise de conteúdo e à triangulação. Inicialmente, os resultados possibilitaram a elaboração de um Framework da cadeia reversa dos REEE. Em relação ao descarte de REEE dos usuários organizacionais, foram verificadas práticas que têm objetivos econômicos, via comercialização dos REEE. Também foram verificadas práticas de descarte de usuários organizacionais de descarte ambientalmente certificado com foco em reciclagem, motivadas principalmente, por pressões de mercado. Em relação às organizações que realizam a coleta dos REEE, destacam-se as práticas de remanufatura que propiciam a inclusão digital e a inserção profissional de jovens com vulnerabilidade social no mercado de trabalho. Sobre o descarte, os resultados apresentam práticas de descarte incorreto de Tubos de Imagem CRT, o que pode representar possíveis impactos ambientais decorrentes destas atitudes. No que se refere às principais oportunidades desta cadeia reversa estão as perspectivas de crescimento do segmento, em decorrência do acréscimo das vendas dos equipamentos eletroeletrônicos, e sobre as limitações, existe um consenso entre os entrevistados sobre a falta de conhecimento, de informação e de consciência dos usuários sobre os REEE, e isto acaba reduzindo as quantidades de REEE que ingressam na cadeia reversa. Em relação à Intersetorialidade, embora tenham sido constadas ações Intersetoriais envolvendo diferentes órgãos públicos e organizações da iniciativa privada focadas na gestão dos REEE, essas políticas públicas acabam não sendo efetivas por não atenderem plenamente às necessidades dos usuários e, dessa forma, a pesquisa faz sugestões de subsídios de políticas públicas para a gestão dos REEE.
Abstract The popularization of electronic equipment – such as computers, notebooks, mobile phones – has led to an exponential production growth of this type of waste. One of the major concerns about this phenomenon is related to equipment dispose practices and possible impacts caused by its discharge in the environment as a result of the existence of chemical and toxic heavy metal products in their structure. On the other hand, Waste Electrical and Electronic Equipment (WEEE) has precious metals which justify recycling and also contributes to the reduction of natural resources exploitation. Within this context, this research aims at analyzing the environmental, social and economic organizational practices arising from disposal, collection, segregation, remanufacturing and sent for final disposal of WEEE. In addition, this research aims to map the specific reverse chain of WEEE, identify constraints and opportunities present in this reverse chain, based on these findings, propose suggestions for public policies based on the concepts of Intersectorality. In order to obtain such data a multiple cases in the metropolitan area of Porto Alegre with three organizations that use electronic equipment, four organizations that perform the collection, segregation, remanufacturing and send it to the final destination of WEEE; four public agencies directly related with this type of waste management, as well as interviews with experts in Reverse Logistics and WEEE and researchers in the field of recycling of WEEE. Data were collected mainly with semi-structured interviews with managers and those organizations responsible for WEEE. These data were submitted to content analysis and triangulation. Initially, it was possible to draw up a Framework of the reverse chain of WEEE. Regarding the disposal of WEEE from users organizational practices that have been verified economic goals via marketing of WEEE. Were also checked disposal practices of organizational users discard environmentally certified with a focus on recycling, driven mainly by market pressures. In relation to organizations that perform the collection of WEEE, there are the remanufacturing practices that provide digital inclusion and employability of young people with social vulnerability in the labor market. In relation to the disposal, the results showed incorrect disposal practices CRT picture tubes, which may represent potential environmental impacts of these practices incorrect disposal. Regarding the main opportunities reverse this chain are the growth prospects of the segment, due to increased sales of electronic equipment, and about the limitations, there is a consensus among respondents about the lack of knowledge, information and awareness of users of WEEE, and it ends up reducing the quantities of WEEE entering the reverse chain. Regarding Intersectorial, although they were checked Intersectoriality action involving different government agencies and private organizations focused on the management of WEEE, these policies end up not being effective because they do not fully meet the needs of users and thus makes research suggestions subsidy of public policies for the management of WEEE.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/55137
Arquivos Descrição Formato
000852764.pdf (2.010Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.