Repositório Digital

A- A A+

Prevalência da concentração inibitória mínima elevada da vancomicina e a relação desta com o desfecho de pacientes com pneumonia causada por staphylococcus aureus meticilina resistentes

.

Prevalência da concentração inibitória mínima elevada da vancomicina e a relação desta com o desfecho de pacientes com pneumonia causada por staphylococcus aureus meticilina resistentes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalência da concentração inibitória mínima elevada da vancomicina e a relação desta com o desfecho de pacientes com pneumonia causada por staphylococcus aureus meticilina resistentes
Autor Machado, Denise Pires
Orientador Goldani, Luciano Zubaran
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Mortalidade
Pneumonia
Staphylococcus aureus
Testes de sensibilidade microbiana
Vancomicina
[en] Broth microdilution
[en] Etest®
[en] Mortality
[en] Pneumonia
[en] Staphylococcus aureus
[en] Vancomycin
Resumo Introdução: Pneumonias causadas por Staphylococcus aureus meticilina resistentes (Methicillin resistant Staphylococcus aureus - MRSA) estão associadas com uma alta mortalidade em pacientes internados em Centros de Terapia Intensiva (CTI). Não é incomum que ocorra falha no tratamento de pneumonia por MRSA com vancomicina. Alguns estudos têm mostrado que há uma relação entre mortalidade em infecções por MRSA e concentrações inibitórias mínimas (CIM) elevadas para vancomicina por Etest®, apesar dos isolados serem sensíveis à vancomicina (CIM ≤2μg/mL), conforme o Clinical Laboratory Standards Institute (CLSI). Objetivos: O objetivo deste estudo foi avaliar as CIMs para vancomicina em pacientes com diagnóstico de pneumonia por MRSA, descrever a relação entre a CIM da vancomicina obtido por Etest® e microdiluição em caldo com mortalidade em 30 dias em pacientes com pneumonia por MRSA internados em um hospital terciário, acadêmico, no sul do Brasil. Métodos: Estudo prospectivo de coorte. Foram incluídos todos os pacientes com pneumonia adquirida no hospital (hospital adquired pneumonia - HAP) e pneumonia associada à ventilação (ventilator associated pneumonia - VAP) por MRSA entre Junho de 2009 e Dezembro de 2011. A CIM da vancomicina do primeiro isolado do trato respiratório foi determinado por Etest® e microdiluição em caldo. As variáveis selecionadas para serem analisadas incluíram idade, sexo, comorbidades, dosagem sérica de vancomicina, escore APACHE II (Acute Physiological and Chronic Health Evaluation II) e a presença do accessory gene regulator II (agr II). O desfecho principal foi morte em 30 dias. Resultados: Foram incluídos 85 pacientes. A mortalidade em 30 dias foi de 42,4%. Em sessenta e oito pacientes (80,1%) as CIMs da vancomicina obtidos por Etest® foram menores ou iguais a 1,0μg/mL, enquanto todas as CIMs (N=85) obtidas por microdiluição em caldo foram ≤1,0μg/mL. Não houve correlação entre as CIMs por Etest® e microdiluição em caldo com morte em 30 dias. Quarenta e seis isolados de MRSA (54,1%) foram positivos para o locus agr II. A média da vancomicina sérica foi 20,7μg/mL (12,0 – 29,0) e a média do escore APACHE II foi 23,0 (17,5 – 29,0). O escore APACHE II foi relacionado com mortalidade em 30 dias. Conclusões: As CIMs da vancomicina obtidas por Etest® e microdiluição em caldo não foram associadas com altos níveis de mortalidade em pacientes com pneumonia grave por MRSA.
Abstract Background: Pneumonias due to methicillin resistant Staphylococcus aureus (MRSA) are associated with significant mortality in Intensive Care Units (ICU) patients. Vancomycin treatment failure in MRSA pneumonia patients is not uncommon. Some reports found a link between high mortality in MRSA infections and higher vancomycin minimum inhibitory concentrations (MICs) by Etest®, despite the susceptibility of the isolates (MIC ≤2,0μg/mL), according to the Clinical Laboratory Standards Institute (CLSI). Objectives: The purpose of this study was evaluate vancomycin MICs in patients with MRSA pneumonia, describe the relationship between vancomycin MIC generated by Etest® and broth microdilution with 30-day mortality in MRSA pneumonia patients. Methods: We conducted a prospective cohort study. All patients with MRSA hospital acquired pneumonia (HAP) and ventilator-associated pneumonia (VAP) admitted in ICU between June 2009 and December 2011 were included. Vancomycin MIC for the first isolate of the respiratory tract was determined by Etest® and broth microdilution. The variables selected for the analysis included age, sex, comorbid conditions, vancomycin serum trough concentration, APACHE II (Acute Physiological and Chronic Health Evaluation II) score and the presence of the accessory gene regulator II (agr II). The primary outcome was mortality at 30-day. Results: Eithy five patients were included. All case mortality at the 30-day was 42.4%. Sixty eight of the patients (80.1%) of the vancomycin MICs generated by Etest® were equal or below 1.0μg/mL. While all MICs generated by broth microdilution were ≤1.0μg/mL. MICs generated by Etest® and broth microdilution were not associated with 30-day mortality. Forty six isolates of MRSA (54.1%) from patients were positive for agr II. The median serum vancomycin was 20.7μg/mL (12.0 – 29.0) and the median APACHE II score was 23.0 (17.5 – 29.0). The APACHE II score was related to 30-day mortality. Conclusions: Vancomycin MICs by Etest® and broth microdilution were not associated with higher mortality leves in patients with severe MRSA pneumonia.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/55151
Arquivos Descrição Formato
000855124.pdf (701.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.