Repositório Digital

A- A A+

Câncer de mama associado à gravidez : um olhar sociocultural

.

Câncer de mama associado à gravidez : um olhar sociocultural

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Câncer de mama associado à gravidez : um olhar sociocultural
Autor Godinho, Anne Allyucha
Orientador Weissheimer, Anne Marie
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Características culturais
Gravidez
Neoplasias da mama
Resumo O câncer de mama, que em geral é associado à idade mais avançada, tem acontecido com maior frequência em mulheres mais jovens e em idade fértil. O presente estudo objetivou conhecer o significado da gravidez para as mulheres que vivenciaram a gestação e o câncer de mama e, analisar os significados socioculturais da concomitância dos fenômenos câncer de mama e gravidez. O desenho metodológico empregado foi o estudo exploratório, sob a perspectiva qualitativa. A coleta dos dados foi realizada no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), junto aos serviços de oncologia, mastologia, ginecologia e obstetrícia. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas, e a análise foi feita utilizando a técnica de análise de conteúdo, modalidade temática. A amostra foi por conveniência e foi composta por cinco mulheres que vivenciaram a gestação concomitantemente ou posteriormente ao diagnóstico de câncer de mama. Após repetitivas audições das entrevistas e leitura das transcrições, foram obtidos quatro temas: Estigma e medo: a descoberta do câncer; Susto e surpresa: a descoberta da gravidez; Sobre as dificuldades do tratamento, superação e apoio recebido; e o Significado de ser mãe após o diagnóstico de câncer de mama. Em termos conclusivos, destaca-se que para as participantes ser mãe, após o diagnóstico do câncer de mama, é a realização de um sonho. Engravidar demonstrava que tinham, ou têm saúde, que podem superar o medo da morte e receber uma dádiva divina. O significado da maternidade, para todas elas, foi de vida, de esperança, de confiança e de bons presságios. Os significados socioculturais da associação do câncer de mama à gravidez obedecem ao padrão socialmente aceito do papel da mulher em nossa cultura. Verifica-se que há necessidade de estudos posteriores, com diferentes abordagens qualitativas que permitam a compreensão ampla da subjetividade da situação, para uma discussão ainda mais abrangente da associação do câncer de mama e da gravidez.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/55281
Arquivos Descrição Formato
000856953.pdf (1.417Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.