Repositório Digital

A- A A+

História de amor na educação freiriana : a Pedagogia do Oprimido

.

História de amor na educação freiriana : a Pedagogia do Oprimido

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título História de amor na educação freiriana : a Pedagogia do Oprimido
Autor Pereira, Nilton Mullet
Orientador Corazza, Sandra Mara
Data 2004
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Amor
Freire, Paulo, 1921-1997
História
Práticas amorosas
[en] History
[en] Love
[en] Pedagogy
Resumo A Tese realiza uma história da proveniência do amor freiriano, que é considerado um Arquivo, no interior do qual se formam conceitos, se objetivam práticas pedagógicas e se constituem formas de relações do indivíduo consigo mesmo. O texto aborda a história tendo como perspectiva os conceitos foucaultianos de Arquivo e de proveniência e estabelece vizinhanças com Nietzsche, sobretudo no que concerne à história da proveniência. O movimento demonstrativo se dá através da pesquisa histórica descritivo-analítica da objetivação das práticas amorosas em diferentes momentos da história: o amor platônico, o amor ágape, o amor cortês e o amor do Emílio. Tal movimento permite interpretar as descontinuidades e permanências que ocorreram e criaram as condições históricas de possibilidade desta positividade do presente que é o amor ao corpo grotesco – o amor freiriano. Desse modo, a formação do Arquivo freiriano não se dá apenas pela descrição das Séries de acontecimentos que se atualizaram a partir de documentos como A Pedagogia do Oprimido e a Pedagogia da Esperança, mas também pela descrição das descontinuidades e permanências observadas nas relações de derivação e transformação dos diferentes Arquivos com o Arquivo freiriano. Assim, a proveniência é determinada como se determina um limiar, a partir de um problema do presente: como foi possível a constituição de um amor ao corpo grotesco na Educação?
Abstract This thesis carries out a history of the provenance of Freirean love, which is considered as a File in which concepts have been formed, pedagogical practices have been objectivated and forms of relationship of individuals with themselves have been constituted. The text both approaches history through the perspective of Foucauldian concepts of File and provenance and establishes approximations with Nietzche, mainly in relation to history of provenance. The demonstrative movement occurs through the descriptive-analytical historical research of the objectivation of love practices in different moments of history: Platonic love, agape love, courtly love and Emilio’s love. Such movement allows for the interpretation of discontinuities and permanencies which occurred and created historical conditions of possibility of this present positivity that is love for the grotesque body – Freirean love. In this sense, the formation of the Freirean File does not occur only through the description of the Series of events which happened from documents such as A Pedagogia do Oprimido and Pedagogia da Esperança, but also through the description of discontinuities and permanencies observed in the relations of derivation and transformation of different Files into the Freirean File. Thus, provenance is determined as one determines a threshold, from a present problem: How has the constitution of love for the grotesque body in Education become possible?
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/55323
Arquivos Descrição Formato
000428164.pdf (1.465Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.