Repositório Digital

A- A A+

Caracterização das unidades da paisagem com vistas ao planejamento e gestão no município de Arroio do Sal – RS

.

Caracterização das unidades da paisagem com vistas ao planejamento e gestão no município de Arroio do Sal – RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Caracterização das unidades da paisagem com vistas ao planejamento e gestão no município de Arroio do Sal – RS
Autor Santos, Márcia dos
Orientador Guasselli, Laurindo Antonio
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geografia: Bacharelado.
Assunto Arroio do Sal (RS)
Geografia urbana
Planejamento urbano
Planejamento urbano
[en] Coastal plain
[en] Landscape mapping units
[en] Landscape units
[en] Planning and management
Resumo A Zona Costeira corresponde à zona de transição entre o ambiente oceânico e o ambiente continental. Nestas áreas ocorre uma intensa dinâmica entre os fatores físicos, bióticos e antrópicos, remodelando as características destes ambientes. A fragilidade dos sistemas costeiros diante das pressões ocasionadas pelos processos de urbanização vem sendo avaliada pelos gestores públicos, o que levou os governos a criarem diversos mecanismos de gestão para estes ambientes. O objetivo deste trabalho é mapear e avaliar as unidades do território a partir do conceito de Paisagem para o município de Arroio do Sal, visando uma contribuição a gestão e planejamento mais sustentável no município. Com base nas características físicas, bióticas e socioeconômicas da área de estudo e considerando a forma e função de cada unidade, foram mapeadas cinco Unidades de Paisagem em Arroio do Sal: UP1 – Praia e dunas frontais, UP2 – Remanescentes de dunas móveis, UP3 – Área urbana, UP4 – Campos e UP5 – Costa da Lagoa. A utilização do mapeamento de Unidades de Paisagem mostrou-se uma ferramenta bastante útil ao planejamento visto que este mapeamento é uma forma de sintetizar a realidade existente e, desta forma, fornece subsídios para o planejamento sustentável.
Abstract The Coastal Zone corresponds to the transition zone between the oceanic environment and the continental environment. In these areas there is a strong dynamic among the physical, biotic and anthropogenic factors, which reshapes the features of these environments. The fragility of coastal systems to the pressures caused by urbanization processes has been assessed by public managers, which led many governments to create mechanisms for managing these environments. In the present study the objective is to map and to assess the territory units in the municipality of Arroio do Sal using the Landscape concept, this aims to contribute to the sustainable planning and management in the municipality. Based in the physic, biotic and socioeconomic features of the area, and considering the shape and the function of each unit, were mapped five Landscape Units in Arroio do Sal: UP1 – Beach and frontal dunes, UP2 – Remaining mobile dunes, UP3 – Urban area, UP4 – Fields, and UP5 – Lagoon coast. To map the Landscape Units was a very useful tool for planning areas because the mapping is a way to synthesize the reality and, so for, to provide subsidies to the sustainable planning.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/55755
Arquivos Descrição Formato
000859027.pdf (13.15Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.