Repositório Digital

A- A A+

Evolução da composição do spread bancário brasileiro no período 1999-2010

.

Evolução da composição do spread bancário brasileiro no período 1999-2010

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Evolução da composição do spread bancário brasileiro no período 1999-2010
Autor Rosa, Thais Santana da
Orientador Lima, Antonio Ernani Martins
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Banco Central do Brasil.
Brasil
Crédito bancário
Economia monetária
Juros
[en] Banking spread
[en] Central Bank of Brazil
[en] Financial intermediation
Resumo Este trabalho apresenta uma análise da evolução da decomposição do spread bancário brasileiro no período de 1999 a 2010, com base nos relatórios sobre o projeto Juros e Spread Bancário, publicados anualmente pelo Banco Central do Brasil. Ainda analisa as medidas adotadas pelo governo brasileiro para reduzir a diferença entre a taxa de captação das instituições financeiras e as taxas finais repassadas ao tomador de empréstimos, no mesmo período, com base na composição do spread. Ao se analisar a decomposição do spread bancário observa-se uma redução no custo da intermediação financeira, dos custos administrativos e do componente que engloba encargos fiscais, FGC, compulsório e subsídio cruzado. A taxa de inadimplência continua alta. O componente margem bruta, erros e omissões representa cerca de metade do percentual da composição do spread.
Abstract This paper presents an analysis of the evolution of the decomposition of banking spreads in Brazil from 1999 to 2010, based on reports about the project Interest and Bank Spreads, published annually by the Central Bank of Brazil. Also examines the measures adopted by the Brazilian government to reduce the difference between the rate of uptake of financial institutions and the final rates passed on to the borrower in the same period, based on the composition of the spread. When analyzing the decomposition of the spread there is a reduction in the cost of financial intermediation, administrative costs and the component that includes taxes, FGC, compulsory and cross-subsidy. The default rate remains high. The gross margin component, errors and omissions represents about half the percentage composition of the spread.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/56114
Arquivos Descrição Formato
000859942.pdf (1.116Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.