Repositório Digital

A- A A+

A exposição pré-natal ao álcool como fator de risco para comportamentos disfuncionais : o papel do pediatra

.

A exposição pré-natal ao álcool como fator de risco para comportamentos disfuncionais : o papel do pediatra

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A exposição pré-natal ao álcool como fator de risco para comportamentos disfuncionais : o papel do pediatra
Outro título Prenatal alcohol exposure as a risk factor for dysfunctional behaviors : the role of the pediatrician
Autor Momino, Wakana
Sanseverino, Maria Teresa Vieira
Faccini, Lavinia Schuler
Resumo Objetivo: Ainda que as características clássicas da síndrome fetal alcoólica tenham sido descritas desde 1968, a pesquisa sobre a teratogênese do álcool apenas recentemente demonstrou que o cérebro é o órgão do corpo mais vulnerável aos efeitos da exposição pré-natal ao álcool. No presente artigo, fazemos uma revisão da literatura focalizando principalmente os distúrbios comportamentais relacionados à exposição pré-natal ao álcool. Fontes dos dados: Foi realizada uma pesquisa com base no PubMed sobre a literatura publicada entre 1968 e 2006, com as palavras-chave etanol, gestação e comportamento. Foram estabelecidos limites a estudos em humanos. Síntese dos dados: Os dados apresentados nesta revisão sugerem que jovens com efeitos do espectro do álcool fetal estão sob risco maior de terem comportamento social disruptivo, entre outros problemas neurocomportamentais. Conclusões: Ainda que seja impossível separar completamente a teratogênese sobre o cérebro decorrente da exposição ao álcool de influências ambientais pós-natais como a causa definitiva desses resultados, o pediatra deve ser estimulado ao diagnóstico precoce de crianças afetadas pela síndrome fetal alcoólica e efeitos do espectro do álcool fetal. Isso permite iniciar o manejo e cuidados apropriados para evitar as conseqüências em longo prazo no comportamento e assegurar uma adaptação social e escolar melhor e mais produtiva.
Abstract Objective: Although the classic features of fetal alcohol syndrome have been recognized since 1968, research on alcohol teratogenesis has only recently demonstrated that the brain is the organ in the body most vulnerable to the effects of prenatal alcohol exposure. In this present article, we reviewed the literature focusing mainly on behavioral disturbances related to prenatal ethanol exposure. Sources: We performed a PubMed search on the literature published between 1968 and 2006 using the terms ethanol, pregnancy and behavior.We limited our search to studies on humans. Summary of the findings: The data presented in this review suggested that youths with fetal alcohol spectrum disorder are at risk of disruptive social behavior, among other neurobehavioral abnormalities. Conclusions: Although it is still impossible to completely separate brain teratogenesis secondary to alcohol exposure from environmental postnatal influences as the definite cause for these outcomes, the pediatrician should be encouraged to early diagnose children affected by fetal alcohol syndrome and fetal alcohol spectrum disorder. This provides proper management and care and avoids long-term consequences on their behavior, besides ensuring better and productive school and social adaptation.
Contido em Jornal de pediatria. Rio de Janeiro. Vol.84, n. 4, supl. (ago. 2008), p. S76-S79
Assunto Comportamento
Etanol
Gravidez
Síndrome alcoólica fetal
Teratogênios
[en] Alcohol
[en] Behavior
[en] Ethanol
[en] Fetal alcohol syndrome
[en] Pregnancy
[en] Teratogenesis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/56441
Arquivos Descrição Formato
000727050.pdf (75.83Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir
000727050-02.pdf (70.70Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.