Repositório Digital

A- A A+

Diversificação internacional de portfólios

.

Diversificação internacional de portfólios

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diversificação internacional de portfólios
Autor Nascimento, Daniela
Orientador Bianchi Filho, Valter
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Especialização em Mercado de Capitais.
Assunto Correlação
Diversificação
Mercado de capitais
Mercado de capitais internacional
Portfólio
Risco
[en] Correlation
[en] International diversification
[en] Markowitz theory
[en] Return
[en] Risk
Resumo Este trabalho estuda os benefícios da diversificação internacional de portfólios, em especial, a boa relação entre risco e retorno. Inicialmente, foi apresentada a evolução do sistema monetário internacional, a qual mostra um aumento no fluxo financeiro entre os países, a exposição das economias, decorrentes das oscilações das taxas de câmbio, e o desenvolvimento dos mercados acionários. Em seguida, para caracterizar o mercado de capitais no âmbito internacional, as três últimas grandes ―Eras‖ são apresentadas de forma clara, justificando o comportamento dos mercados nos dias de hoje e evidenciando os problemas de risco que existem nesses mercados. A diversificação internacional de portfólios é a sugestão dada para diminuir o risco e aumentar o retorno dos investimentos. A fim de testar os efeitos da diversificação internacional, dois portfólios são criados e analisados a partir da Teoria de Markowitz, ambos são compostos por índices de ações das 17 economias mais importantes do mundo e a diferença entre eles está no peso dos ativos. No primeiro portfólio, os pesos são definidos de acordo com a análise da volatilidade dos retornos dos ativos do período de janeiro de 2000 a dezembro de 2006, e no segundo de acordo com a volatilidade dos retornos de janeiro de 2007 a março de 2010. Após os cálculos do risco e retorno desses portfólios, os resultados são comparados com as médias dos riscos e as médias dos retornos dos índices. Os resultados obtidos são satisfatórios, porém o grau de satisfação depende do momento econômico atual e do país de residência do investidor. No segundo portfólio, por exemplo, um investidor russo seria mais beneficiado pela diversificação internacional do que um investidor mexicano, pois, apesar das altas correlações existentes entre os retornos, as bolsas de valores têm comportamentos e características próprias.
Abstract This paper studies the benefits of international portfolio diversification, principally the good relationship between risk and return. Initially, it is presented the evolution of the International Monetary System, which shows an increase in financial flows among countries, the exposure of the economies due to the volatility of exchange rates and the development of stock markets. Afterwards, in order to understand the capital markets in an international context, the three last most important Stock Eras are presented in a clear way. This timeline helps to justify the behavior of the markets nowadays and identify the risk problems that exist in these markets. The international portfolio diversification is the suggestion given to reduce risk and increase return on investments. In order to test the effects of international diversification, two portfolios are created and analyzed based on the Markowitz Theory. These portfolios contain stock indices of the 17 major economies in the world. The difference between them is based on the weight of the assets. The weights in the first portfolio are defined according to the volatility analysis of the asset returns from January 2000 to December 2006 and, in the second, they are according to the volatility analysis of the asset returns from January 2007 to March 2010. After obtaining the risk and return of the created portfolios, the results are compared with the average risk and the average return of the indices. The results are satisfactory, but the degree of satisfaction depends on the economic cycle and the country where the investor lives. In the second portfolio, for example, a Russian investor would take more advantage of the international diversification than a Mexican investor, because despite the high correlations among the returns, the stock exchanges have their own behaviors and characteristics.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/60636
Arquivos Descrição Formato
000862955.pdf (1.851Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.