Repositório Digital

A- A A+

Infecção pelo vírus respiratório sincicial em crianças menores de um ano de idade internadas por doença respiratória aguda em Pelotas, RS

.

Infecção pelo vírus respiratório sincicial em crianças menores de um ano de idade internadas por doença respiratória aguda em Pelotas, RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Infecção pelo vírus respiratório sincicial em crianças menores de um ano de idade internadas por doença respiratória aguda em Pelotas, RS
Outro título Respiratory syncytial virus infection in children under one year of age hospitalized for acute respiratory diseases in Pelotas, RS
Autor Macedo, Silvia Elaine Cardozo
Menezes, Ana Maria Baptista
Post, Paulo
Albernaz, Elaine
Knorst, Marli Maria
Resumo Introdução: As doenças respiratórias agudas (DRAs) são causa significativa de morbimortalidade infantil. Objetivo: Analisar as hospitalizações por DRA em crianças menores de um ano de idade e avaliar sua associação com a presença do vírus respiratório sincicial (VRS). Casuística e métodos: Foi realizado um estudo de casos e controles na cidade de Pelotas. Todas as crianças de até um ano de idade incompleto hospitalizadas por DRAs, de agosto de 1997 a julho de 1998, foram acompanhadas nos quatro hospitais da cidade. Um questionário era aplicado às mães das crianças sobre questões referentes à sintomatologia do quadro atual, além de questões demográficas, socioeconômicas, alimentares e antecedentes mórbidos. O diagnóstico definitivo de DRAs era conferido pelo árbitro do estudo (pediatra) com base na revisão dos dados do prontuário hospitalar e do questionário. O VRS foi pesquisado através da realização de imunofluorescência direta no aspirado nasofaríngeo. Resultados: Foram analisadas 650 crianças, sendo que a incidência anual de internações por DRA foi de 13,9%. A maioria das internações ocorreu de julho a outubro, sendo as causas mais freqüentes: pneumonia (43,7%), bronquiolite (31,0%), asma (20,3%), gripe (3,5%), otite média (0,8%) e laringite (0,6%). A prevalência global de positividade ao VRS foi de 30,7%, encontrando-se 40,2% em bronquiolites, 28,6% em gripe, 27,4% em asma, 26,3% em pneumonia e 25% em otite média. Conclusões: Os resultados do presente estudo salientam a importância das DRAs como causa significativa de morbidade na infância, confirmando sua sazonalidade e associação com o VRS.
Abstract Introduction: Acute respiratory diseases (ARDs) are a major cause of infant morbidity and mortality. Objective: The present case-controlled study investigated the hospitalizations by ARDs in children under one year of age and the association with the respiratory syncytial virus (RSV) in za Pelotas, RS. Methods: All children under one year of age hospitalized due to ARDs from August 1997 to July of 1998 were followed-up in the four hospitals of the city. A standardized questionnaire was applied to the children’s mother regarding symptoms of the actual illness in addition to social and demographic variables, nutrition, and previous morbidity. The final diagnosis of ARDs was performed by an arbiter (a pediatrician) based on the hospital records of the children and the data on the questionnaire. Nasopharyngeal secretions were collected for RSV detection by direct immunofluorescence. Results: The study included 650 children and the annual incidence rate of hospital admissions for ARDs was 13.9%. Admissions showed a seasonal pattern with most of the hospitalizations occurring from July to October. The main causes of admission were: pneumonia (43.7%), bronchiolitis (31.0%), asthma (20.3%), influenza (3.5%), otitis media (0.8%) and laryngitis (0.6%). The overall prevalence of RSV was 30.7%, with 40.2% in bronchiolitis, 28.6% in influenza, 27.4% in asthma, 26.3% in pneumonia, and 25% in otitis media. Conclusions: The results of the present study confirm the high morbidity of ARDs in childhood and the seasonal pattern of ARDs hospitalizations and their association with RSV infection.
Contido em Jornal de pneumologia. Vol. 29, n. 1 (2003), p. 4-8
Assunto Criança hospitalizada
Estudos de casos e controles
Estudos transversais
Fatores socioeconômicos
Imunofluorescência
Infecção
Lactente
Vírus sinciciais respiratórios
[en] Acute respiratory diseases
[en] Children
[en] Incidence
[en] Pneumonia
[en] Respiratory syncytial virus
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/60854
Arquivos Descrição Formato
000359081.pdf (95.83Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir
000359081-02.pdf (190.6Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.