Digital Repository

A- A A+

Principais causas da diarréia crônica em felinos

DSpace/Manakin Repository

Principais causas da diarréia crônica em felinos

Show full item record

Statistics

Title Principais causas da diarréia crônica em felinos
Author Reis, Carina
Advisor Gerardi, Daniel Guimarães
Co-advisor Trindade, Anelise Bonilla
Date 2012
Level Graduation
Institution Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Subject Enteropatias
Felinos
Intestinos
Tratamento de doenças
[en] Cats
[en] Enteropathy
[en] Gastrointestinal disturbances
[en] Intestinal
Abstract in Portuguese Este trabalho teve por objetivo revisar as principais causas de diarreia crônica em felinos, buscando de forma racional, melhores métodos para chegar ao diagnóstico definitivo e, consequentemente definir a melhor terapêutica para o tratamento da enfermidade. A diarreia resulta de um conteúdo aquoso fecal excessivo, apresentando como características consistência anormal, aumento na frequência, na fluidez e no volume das fezes. É o sinal clínico mais comum em animais portadores de doença intestinal, promovendo perdas importantes de íons e eletrólitos e consequentemente desequilíbrio hidroeletrolítico. Pode resultar de doença intestinal primária como o parasitismo, os distúrbios inflamatórios, os problemas infecciosos e as neoplasias; como de distúrbios do fígado ou do pâncreas os quais interferem nos processos digestivos e absortivos intestinais normais. Ainda, condições adversas à função intestinal como é o caso de imprudência dietética, de reações adversas a alimentos, uso de antibióticos e/ou glicosídeos cardíacos ou distúrbios sistêmicos, como insuficiência renal e hipoadrenocorticismo. As características do conteúdo fecal, bem como estado geral do paciente, frequência de defecação, hematoquezia, presença ou não de apetite, auxiliam à definir a região do intestino que está alterada, se é do intestino delgado ou grosso. Para o exame e a avaliação do intestino delgado geralmente utiliza-se uma combinação de exame físico, patologia clínica, testes de função, imagens diagnósticas, visibilização direta e avaliação histopatológica. Para o tratamento inicial da diarreia, deve-se definir, com base em dados de anamnese, se esta é aguda ou crônica. Faz-se obrigatório que o clínico busque um diagnóstico definitivo precocemente em pacientes que apresentarem sinais crônicos, existentes há mais de duas a quatro semanas, porque algumas doenças, se não forem tratadas adequadamente, podem resultar em má absorção grave e morte. A diarreia crônica pode ser um desafio na medicina de felinos, já que muitas patologias produzem sinais clínicos semelhantes e chegar ao diagnóstico definitivo pode ser difícil devido as condições dos pacientes, que muitas vezes já chegam em péssimo estado, e devido as condições financeiras dos proprietários que muitas vezes já se encontram frustrados. Contudo, novas pesquisas estão sendo realizadas com o objetivo de facilitar o diagnóstico e tratamento destas patologias que estão se tornando cada vez mais frequentes e o clínico deve tentar manter-se atualizado para oferecer o melhor aos seus pacientes.
Abstract This study aimed to review the main causes of chronic diarrhea in cats, seeking in a rational way the best methods to reach to a definitive diagnosis and thus define the best therapy for the disease’s treatment. Diarrhea results from an excessive watery fecal content, presenting abnormal consistency and an increase in frequency, watery and volume of the stools. It’s the most common clinical sign in animals with intestinal disease, promoting significant losses of electrolytes and ions and hence electrolyte imbalance. It may result from primary bowel disease such as parasitism, inflammatory disorders, infectious problems and cancer, or as pancreas or liver´s disorders which interfere in the normal digestive and absorptive bowel’s processes. In addition, adverse conditions to bowel function such as a dietary indiscretion, adverse reactions to foods, use of antibiotics and/or cardiac glycosides or systemic disorders such as renal failure and hypoadrenocorticism can be causes of diarrhea. The fecal content’s characteristics, as well as patient's general condition, frequency of defecation, hematochezia, presence or absence of appetite help to define the region of the intestine is altered, whether it's small or large intestine. The small intestine´s examination and assessment usually involve a combination of physical examination, clinical pathology, function tests, diagnostic imaging, direct visualization and histopathology evaluation. For the initial treatment of diarrhea, shall be defined, based on history data, if it is acute or chronic. It is obligatory that the clinician seek earlier for a definitive diagnostic in patients with chronic signs, available for more than two to four weeks, since in some disease, if not properly treated, it may result in serious malabsorption and death. The chronic diarrhea can be a challenge in feline medicine, since many diseases produce similar clinical signs and reach to a definitive diagnosis can be difficult because the general state of patients, which often arrive in a poor physical condition, and due to the owners´ financial condition and which often are already frustrated. However, new studies are being conducted in order to facilitate the diagnosis and treatment of diseases that are becoming increasingly frequent and the clinician must try to keep himself updated to offer the best to his patients.
Type Work completion of graduation
URI http://hdl.handle.net/10183/60955
Files Description Format View
000860318.pdf (601.0Kb) Texto completo Adobe PDF View/Open

This item is licensed under a Creative Commons License

This item appears in the following Collection(s)


Show full item record

Browse



  • The author is the owner of the copyrights of the documents available in this repository and is prohibited under the law, the marketing of any kind without prior authorization.
    Graphic design by Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.