Repositório Digital

A- A A+

O movimento sionista e a formação da comunidade judaica brasileira (1901-1956)

.

O movimento sionista e a formação da comunidade judaica brasileira (1901-1956)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O movimento sionista e a formação da comunidade judaica brasileira (1901-1956)
Autor Bartel, Carlos Eduardo
Orientador Weber, Regina
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História.
Assunto Brasil
Comunidade judaica
História cultural
História política
Imigração judaica
Judeus
Sionismo
[en] Jewish immigration
[en] Jews in Brazil
[en] Political history
[en] The jewish state
[en] Zionism
Resumo A pesquisa aborda a relação entre o movimento sionista e os judeus radicados no Brasil, tendo como objetivo evidenciar e caracterizar a contribuição do nacionalismo judaico para a formação de uma identidade judaico-brasileira e de uma comunidade judaico-brasileira. Para isso, o estudo analisa a trajetória do movimento sionista no Brasil desde seu surgimento, o discurso e a ação sionista, bem como o intercâmbio entre entidades, dirigentes, militantes sionistas radicados em diferentes cidades brasileiras. A abordagem concentra-se na primeira metade do século XX, tendo como parâmetros os primeiros contatos entre judeus radicados no Brasil com as lideranças da Organização Sionista Mundial, em 1901, e o ano de 1956, momento posterior a criação de Israel, no qual o processo imigratório para a América perde seu ímpeto e os judeus já se encontram integrados na sociedade brasileira. Tendo a história política como referência e a partir de perspectivas de análise que se complementam, a pesquisa alcança seu objetivo ao evidenciar como as ideias e o discurso sionista permeou as diferentes associações e grupos judaicos durante o período citado, sem, no entanto, desconsiderar os conflitos e divergências político-ideológicas decorrentes desse processo.
Abstract This research addresses the relationship between Zionism and jews living in Brazil, aiming to demonstrate and characterize the contribution of Jewish nationalism to the formation of a Jewish-Brazilian identity and a Jewish community in Brazil. For this, the study analyzes the history of the Zionist movement in Brazil since its inception, the Zionist discourse and action, as well as exchange between entities, officers, Zionist militants based in different cities. The approach focuses on the first half of the twentieth century, taking as parameters the first contacts between Jews living in Brazil with the leadership of the World Zionist Organization in 1901 and 1956, a subsequent creation of Israel in which the process immigration to America loses its momentum and the Jews are already fully integrated into Brazilian society. Since the political history as a reference and from analytical perspectives that complement the research achieves its goal by showing how the ideas and the Zionist discourse has permeated the various associations and Jewish groups during the period mentioned, without, however, ignore the conflicts and political and ideological differences resulting from this process.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/61713
Arquivos Descrição Formato
000865114.pdf (2.153Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.