Repositório Digital

A- A A+

A negociação coletiva numa perspectiva sindical

.

A negociação coletiva numa perspectiva sindical

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A negociação coletiva numa perspectiva sindical
Autor Carvalho, Maria Aparecida de
Orientador Não informado
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Negociação Coletiva a Distância.
Assunto Negociação coletiva
Sindicalismo
Resumo O presente artigo enfoca o sindicalismo, este imprescindível ator das mesas de negociação coletiva, para tanto traz uma retrospectiva do movimento sindical brasileiro. Para atender o objetivo geral de investigar a negociação coletiva sob a perspectiva e compreensão de dirigentes sindicais, como também os objetivos específicos de verificar como são planejadas as atuações dos dirigentes sindicais numa mesa de negociação coletiva, detectar a percepção de dirigentes sindicais sobre a inserção da negociação coletiva nas questões trabalhistas do setor público, comparar a atuação, dos dirigentes sindicais, no processo de negociação coletiva, com referenciais teóricos sobre o tema. O estudo é do tipo exploratório, em função do planejamento flexível, uma de suas principais características, proporcionando assim a ampliação de possibilidades de análise de um mesmo fenômeno, com oportunidades de criar hipóteses e analisar experiências para a compreensão do tema. Além da pesquisa bibliográfica, sobre a trajetória do sindicalismo no Brasil, utilizouse o depoimento do Sr. Irany Castro Balbino – Diretor de Formação Política e Relações Sindicais do Sindicato Nacional dos Servidores Federais (SINASEFE) e Presidente do SINASEFE - Seção São Paulo, colhido a partir de um roteiro. Transcreveu-se ainda trechos de uma entrevista com o Sr. Arthur Henrique da Silva Santos, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) da publicação Justiça! (Ano I nº 3) da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União (FENAJUFE), sobre Negociação Coletiva. Neste breve estudo constatou-se a negociação coletiva no setor público, como também sua fragilidade, uma vez que no segundo mandato do Presidente Lula, exsindicalista, as mesas de negociação foram preteridas aos acordos. Observou-se ainda, o quanto à literatura de Negociação Coletiva, principalmente no que se refere aos métodos de negociação, está distante da realidade brasileira, daí a importância de ações como o curso de Especialização em Negociação Coletiva – iniciativa do Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) em parceria com a Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – para enriquecer e ampliar as possibilidades de estudo sobre o tema.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/61821
Arquivos Descrição Formato
000866699.pdf (302.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.