Repositório Digital

A- A A+

Terpenóides em espécies do gênero salvia (lamiaceae)

.

Terpenóides em espécies do gênero salvia (lamiaceae)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Terpenóides em espécies do gênero salvia (lamiaceae)
Outro título Terpenoids in the genus Salvia (Lamiaceae)
Autor Pinto, Paula Santos
Orientador Poser, Gilsane Lino von
Co-orientador Apel, Miriam Anders
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas.
Assunto Lamiaceae
Oleos essenciais
Plantas medicinais
Sálvia
Terpenóides
[en] Amebicidal activity
[en] Antimicrobial activity
[en] Diterpenoids
[en] Essential oil
[en] Salvia L.
Resumo O gênero Salvia L. (Lamiaceae), constituido de aproximadamente 900 espécies, possui 60 representantes no Brasil. Dentre suas propriedades medicinais destacam-se as atividades antitumoral, anti-inflamatória, cicatrizante e antibacteriana. Óleos essenciais e diterpenos de núcleos abietano, clerodano, primarano estão entre os principais constituintes químicos relatados para as espécies. O objetivo deste trabalho foi a caracterização química dos óleos essenciais obtidos por hidrodestilação de seis espécies de Salvia nativas da região Sul do Brasil (S. guaranitica, da Seção Coerulae; S. ovalifolia, S. cordata e S. borjensis, da Seção Rudes e S. procurrens e S. uliginosa, da Seção Uliginosae), utilizando cromatografia à gás/espectrometria de massas. A análise química dos óleos essenciais mostrou que todas as espécies apresentaram apenas sesquiterpenos, além de compostos alifáticos como aldeidos e ácidos graxos de cadeia longa. Entre estes últimos, nonadecanal estava presente em todas as espécies, sendo abundante (13% a 56%) em S. procurrens, S. ovalifolia e S. borjensis. Em relação à composição dos sesquiterpenos, observou-se que espatulenol estava presente em quantidades relativamente grandes (10% - 40%) nas espécies S. cordata, S. borjensis e S. ovalifolia. Estas espécies também apresentaram β-cariofileno, sesquiterpeno encontrado, ainda, em S. guaranitica. S. cordata apresentou o sesquiterpeno epi-globulol (32,3%) e 2E, 6Z-farnesol (11,4%). O óleo essencial de S. uliginosa apresentou ácido hexadecanóico (30,1%), n-nonadecano (17,5%) e nonadecanal (4,5%) como componentes majoritários. Os óleos essenciais e os extratos diclorometano das espécies da Seção Uliginosae (S. uliginosa e S. procurrens) mostraram atividade contra Staphylococcus aureus, quando testados pelo método de bioautografia. As analises preliminares sugerem a presença de diterpenos de núcleo abietano-quinona nos extratos orgânicos destas espécies. Os extratos diclorometano dessas duas espécies foram também avaliados quanto à atividade amebicida contra amebas de vida livre Acanthamoeba polyphaga. Entre estes, apenas o de S. uliginosa foi ativo, apresentando 100% de atividade nas concentrações de 7,5 e 5 mg/mL.
Abstract The genus Salvia L. (Lamiaceae) has about 900 species, 60 of them found in Brazil. Among the medicinal properties it is possible to highlight anti-tumor, anti-inflammatory, antioxidant and antibacterial activities. Essential oils and diterpenes with abietane, clerodane and primarane skeletons are the main componentes of these plants. In this sense, the purpose of this study was to characterize the essential oils obtained by hydrodistillation from Salvia species native to southern Brazil (S. guaranitica, Section Coerula; S. ovalifolia, S. cordata and S. borjensis, Section Rudes and S. procurrens and S. uliginosa, Section Uliginosae), using gas chromatography coupled to mass spectrometry. Chemical analysis of the essential oils showed that all species had only sesquiterpenes, and aliphatic compounds such as aldehydes and long chain fatty acids. Among the latter, nonadecanal was present in all species, being abundant (13% to 56%) in S. procurrens, S. borjensis and S. ovalifolia. Regarding the composition of the sesquiterpenes, it was observed that spathulenol was present in relatively large amounts (10% - 40%) in S. cordata, S. borjensis and S. ovalifolia oils. These species also showed β-caryophyllene, a sesquiterpene also found in S. guaranitica. S. cordata showed the sesquiterpene epi-globulol (32.3%) and 2E, 6Z-farnesol (11.4%). S. uliginosa essential oil presented hexadecanoic acid (30.1%), n-nonadecane (17.5%) and nonadecanal (4.5%) as the main compound. The essential oils and the dichloromethane extracts of of the species from the Section Uliginosae (S. uliginosa and S. procurrens) demonstrated antimicrobial activity against Staphylococcus aureus when investigated by the bioautography method. Preliminary analyses indicated theat the main compounds present in the organic extracts are diterpenes with the abietane type-diterpene quinone nucleous. The dichloromethane extracts of these two species were also evaluated for the activity against Acanthamoeba polyphaga. Only the extract of S. uliginosa was active, with 100% activity at concentrations of 7.5 and 5 mg/mL.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/62081
Arquivos Descrição Formato
000867174.pdf (1.094Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.