Repositório Digital

A- A A+

Infiltração cutânea na leucemia megacariocítica aguda com expressão de CD56=Cutaneous infiltration in acute megakaryocytic leukemia with CD56 expression

.

Infiltração cutânea na leucemia megacariocítica aguda com expressão de CD56=Cutaneous infiltration in acute megakaryocytic leukemia with CD56 expression

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Infiltração cutânea na leucemia megacariocítica aguda com expressão de CD56=Cutaneous infiltration in acute megakaryocytic leukemia with CD56 expression
Outro título Cutaneous infiltration in acute megakaryocytic leukemia with CD56 expression
Autor Farias, Mariela Granero
Biermann, Maristela Bittencourt
Matos, Ana Lígia Soares
Dal Bó, Suzane
Santos, Katia Simone Delgado dos
Resumo A LMA-M7 é um subtipo raro de leucemia mielóide aguda (LMA). Está freqüentemente associada a mielofibrose e representa um subtipo de mau prognóstico. Raramente apresenta infiltração em sítios extramedulares. O aspirado de medula óssea ou biópsia mostra uma população de células pleomórficas e basofílicas, que podem apresentar projeções citoplasmáticas. A utilização da imunofenotipagem é essencial para o diagnóstico de LMA-M7. O imunofenótipo característico apresenta uma população de células leucêmicas com ausência da maioria dos marcadores linfóides e mielóides de superfície, porém com expressão para os antígenos da linhagem megacariocítica: CD41a (complexo glicoprotéico IIb/IIIa), CD42b (glicoproteína Ib) e/ou CD61 (glicoproteína IIIa), ou antígeno relacionado ao fator VIII. Freqüentemente, a coloração citoquímica Sudan Black para os blastos megacariocíticos é negativa; neste caso, foi positiva para 40% das células analisadas. A presença de CD56, cuja expressão aberrante em algumas leucemias mielóides é indicativo de mau prognóstico, pode estar associada à infiltração da pele.
Abstract AML-M7 is a rare subtype of acute myeloid leukemia (AML). It is frequently associated with myelofibrosis and corresponds to a poor prognosis subtype. It rarely presents with infiltration at extramedullary sites. The bone marrow aspirate or biopsy identifies pleomorphic and basophilic cell populations that may present with cytoplasmatic projections. The use of immunophenotyping is essential for the diagnosis of AML-M7. The characteristic immunophenotype presents a leukemic cell population without most lymphoid and myeloid surface markers, but with an expression of the megakaryocytic antigens: CD41a (glycoprotein complex IIb/IIIa), CD42b (glycoprotein Ib) and/or CD61 (glycoprotein IIIa), or the factor VIII-related antigen. The cytochemical stain Sudan Black is frequently negative for megakaryocytic blasts; in this case, it was positive in 40% of the analyzed cells. The presence of CD56, whose aberrant expression in some myeloid leukemias indicates poor prognosis, might be associated with skin infiltration.
Contido em Revista brasileira de hematologia e hemoterapia = Brazilian journal of hematology and hemotherapy = Journal of Hematology and Hemotherapy. São Paulo. Vol. 29, n. 2 (2007), p. 185-188
Assunto Antígenos CD56
Histocitoquimica
Imunofenotipagem
Infiltração leucêmica
Leucemia megacarioblástica aguda
[en] Acute megakaryocytic leukemia; ; ; ;
[en] CD56
[en] Cutaneous infiltration
[en] Cytochemistry
[en] Immunophenotyping
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/62085
Arquivos Descrição Formato
000824342.pdf (156.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.