Repositório Digital

A- A A+

Prevalence and clinical impact of eating disorders in bipolar patients

.

Prevalence and clinical impact of eating disorders in bipolar patients

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalence and clinical impact of eating disorders in bipolar patients
Outro título Prevalência e impacto clinico dos transtornos alimentares sobre os pacientes bipolares
Autor Seixas, Camila
Scippa, Ângela Miranda
Fernandes, Fabiana Nery
Nascimento, Monica Andrade
Quarantini, Lucas de Castro
Kapczinski, Flávio Pereira
Oliveira, Irismar Reis de
Resumo Objetivo: Estudar a influencia dos transtornos alimentares (TA) na gravidade do transtorno bipolar (TB). Metodos: Foram utilizadas a Entrevista Clinica Estruturada para o Eixo I do DSM-IV (SCID-I), a Escala de Young para Avaliacao da Mania (YMRS), a Escala de Hamilton para Avaliacao da Depressao (HAM-D-17), a Escala de Hamilton para Avaliacao da Ansiedade (HAM-A), a Avaliacao do Funcionamento Global (GAF) e a Escala Breve de Avaliacao da Qualidade de Vida da Organizacao Mundial da Saude (WHOQOL-BREF). Os dados clinicos e sociodemograficos tambem foram coletados. Resultados: Entre os 355 pacientes com TB incluidos neste estudo, 19 (5,3%) tambem foram diagnosticados como portadores de TA. Destes, 57,9% tinham bulimia nervosa (BN) e 42,1% anorexia nervosa (AN). Dentre os pacientes com TA, 94,7% eram do genero feminino. Os pacientes portadores de TB e TA apresentaram escores mais baixos do dominio saude mental da WHOQOL-BREF, escores mais elevados de sintomas depressivos e mais comorbidades psiquiatricas. Conclusoes: A presenca de comorbidades com TA acarreta importantes desfechos negativos em pacientes bipolares. Este achado sugere que atencao deva ser dada a presenca de TA em pacientes com TB e que melhores tratamentos focados nessa populacao sejam desenvolvidos.
Abstract Objectives: To study the impact of eating disorders (EDs) on the severity of bipolar disorder (BD). Methods: The Structured Clinical Interview for DSM-IV Axis I (SCID-I), Young Mania Rating Scale (YMRS), Hamilton Depression Rating Scale (HAM-D-17), Hamilton Anxiety Rating Scale (HAM-A), Global Assessment of Functioning (GAF), Clinical Global Impression (CGI), and the World Health Organization Quality of Life Assessment (WHOQOL-BREF) were used. Clinical and sociodemographic data were also collected. Results: Among the 356 bipolar patients included in this study, 19 (5.3%) were also diagnosed with ED. Of these, 57.9% had bulimia nervosa (BN) and 42.1% had anorexia nervosa (AN). Among ED patients, 94.7% were female. Bipolar patients with EDs presented with lower scores in the mental health domain of the WHOQOL-BREF, higher scores of depressive symptoms, and more psychiatric comorbidities. Conclusions: ED comorbidities imposed important negative outcomes in bipolar patients. This finding suggests that attention should be given to the presence of EDs in BD patients and that better treatments focused on this population should be developed.
Contido em Revista brasileira de psiquiatria (1999). São Paulo. Vol. 34, no. 1 (mar. 2012), p. 66-70
Assunto Transtorno bipolar
Transtornos da alimentação
[en] Anorexia nervosa
[en] Bipolar disorder
[en] Bulimia nervosa
[en] Eating disorders
[en] Quality of life
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/62380
Arquivos Descrição Formato
000825699.pdf (403.2Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.