Repositório Digital

A- A A+

Sistema combinado de esgotamento sanitário : alternativa viabilizadora de sistemas de esgoto

.

Sistema combinado de esgotamento sanitário : alternativa viabilizadora de sistemas de esgoto

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sistema combinado de esgotamento sanitário : alternativa viabilizadora de sistemas de esgoto
Autor Noro, Etan Alexandre
Orientador Gehling, Gino Roberto
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Civil.
Assunto Engenharia civil
Resumo O presente trabalho tem como objetivo determinar o tempo necessário para que, utilizando-se a rede de coleta pluvial previamente existente em determinada área, como sistema combinado de esgotamento, se possa executar a rede separadora absoluta com recursos gerados pelo próprio sistema de tratamento de esgotos, através da taxa de tratamento de esgotos, quando da implantação de sistemas de tratamento. Para tal, utilizou-se o projeto real do sistema de coleta e tratamento de esgotos em implantação no município de Sapiranga-RS, mais especificamente em uma das sub-bacias de contribuição do sistema, que já contava com rede de drenagem pluvial em toda sua extensão. Para proceder-se à ligação da rede pluvial com a estação de tratamento de esgotos (ETE), duas alternativas de interceptação foram levantadas: uma fazendo o redimensionamento de um dos componentes do sistema, o emissário, para atender à vazão de esgoto combinado (pico de vazão pluvial de período de chuva e vazão máxima de esgoto sanitário); outra em que se intercepte o arroio Sapiranga (para onde, invariavelmente, toda a rede pluvial do perímetro urbano converge) em ponto mais próximo à ETE e, com o auxílio de uma estrutura de regulação e desvio, fazer-se o desvio e encaminhar para tratamento apenas o correspondente à vazão de esgotos gerados na área analisada. Por questões técnicas e de economicidade, a segunda alternativa mostrou-se a solução mais adequada para a adaptação da rede. O tempo necessário para execução da rede separadora, no cenário criado no presente trabalho, foi de 23 anos, contados a partir de 2007, ocorrendo entre os anos de 2029 e 2030.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/63204
Arquivos Descrição Formato
000861997.pdf (5.664Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.