Repositório Digital

A- A A+

Nursing interventions in the clinical practice of an intensive care unit

.

Nursing interventions in the clinical practice of an intensive care unit

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Nursing interventions in the clinical practice of an intensive care unit
Outro título Intervenções de enfermagem utilizadas na prática clínica de uma unidade de terapia intensiva
Outro título Intervenciones de enfermería utilizadas en la práctica clínica de una unidad de terapia intensiva
Autor Lucena, Amália de Fátima
Gutierrez, Maria Gaby Rivero de
Echer, Isabel Cristina
Barros, Alba Lucia Botura Leite de
Resumo Este é estudo descritivo, transversal, realizado em um hospital universitário com os objetivos de descrever as intervenções de enfermagem mais utilizadas na prática clínica de uma unidade de terapia intensiva, com base nas prescrições de enfermagem, e analisar a sua similaridade com a Nursing Interventions Classification (NIC). A amostra constou de 991 internações de pacientes. Os dados foram coletados, retrospectivamente, em base informatizada, e analisados pela estatística descritiva e mapeamento cruzado. Identificaram-se 57 diferentes intervenções/NIC, frequentemente utilizadas na unidade, sendo a maioria no domínio fisiológico complexo (42%) e fisiológico básico (37%), nas classes de controle respiratório e facilitação do autocuidado. Em 97,2% dos casos houve similaridade entre as prescrições de enfermagem da unidade e as intervenções/NIC. Conclui-se que as intervenções/NIC, utilizadas na prática clínica da unidade de terapia intensiva, refletem o nível de complexidade do cuidado de enfermagem nessa unidade, destinando-se, principalmente, à regulação do funcionamento físico e homeostático do organismo.
Resumen Se trata de un estudio descriptivo, transversal realizado en un hospital universitario con los objetivos de describir las intervenciones de enfermería más utilizadas en la práctica clínica de una unidad de terapia intensiva, con base en las prescripciones de enfermería y, analizar si son similares a las Nursing Interventions Clasification (NIC). La muestra constó de 991 internaciones de pacientes. Los datos fueron recolectados retrospectivamente, en base informatizada, y analizados por la estadística descriptiva y diseño cruzado. Se identificó 57 diferentes intervenciones/NIC frecuentemente utilizadas en la unidad; siendo la mayoría en el dominio fisiológico complejo (42%) y fisiológico básico (37%), en las clases de control respiratorio y facilitación del autocuidado. En 97,2% de los casos se encontraron similares entre las prescripciones de enfermería de la unidad y las intervenciones/NIC. Se concluye que las intervenciones/NIC utilizadas en la práctica clínica de la unidad de terapia intensiva reflejan el nivel de complejidad del cuidado de enfermería en esta unidad, destinándose, principalmente, a regular el funcionamiento físico y homeostático del organismo.
Abstract This cross-sectional study was carried out at a university hospital to describe the nursing interventions most frequently performed in the clinical practice of an intensive care unit, based on nursing care prescriptions, and to investigate their similarity to the Nursing Interventions Classification (NIC). The sample consisted of 991 hospitalizations of patients. Data were retrospectively collected from the computer database and analyzed through descriptive statistics and cross-mapping. A total of 57 different NIC interventions frequently used in the unit were identified; most of them in the complex (42%) and basic physiological (37%) domains, in the classes ‘respiratory management’ and ‘self-care facilitation’. Similarity between the nursing care prescribed and nursing interventions/NIC was found in 97.2% of the cases. The conclusion is that the interventions/NIC used in the clinical practice of this intensive care unit reflects the level of complexity of nursing care, which is mainly directed at the regulation of the body’s physical and homeostatic functioning.
Contido em Revista latino-americana de enfermagem. Ribeirão Preto. Vol. 18, n.5 (sept./oct. 2010), p. 873-880
Assunto Cuidados intensivos : Enfermagem
Diagnóstico de enfermagem
Processos de enfermagem
Unidades de terapia intensiva : Enfermagem
[en] Hospital Information Systems
[en] Intensive Care
[en] Nursing Diagnosis
[en] Nursing Process/Classification
[es] Diagnóstico de Enfermería
[es] Procesos de Enfermería/Clasificación
[es] Sistemas de Información en Hospital
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/65915
Arquivos Descrição Formato
000761310.pdf (305.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir
000761310-02.pdf (311.1Kb) Texto completo (espanhol) Adobe PDF Visualizar/abrir
000761310-03.pdf (334.4Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.