Repositório Digital

A- A A+

Controle estrutural dos carbonatitos no Rio Grande do Sul: análise de produtos de sensoriamento remoto e aerogeofísicos

.

Controle estrutural dos carbonatitos no Rio Grande do Sul: análise de produtos de sensoriamento remoto e aerogeofísicos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Controle estrutural dos carbonatitos no Rio Grande do Sul: análise de produtos de sensoriamento remoto e aerogeofísicos
Autor Senhorinho, Eliel Martins
Orientador Dani, Norberto
Remus, Marcus Vinicius Dorneles
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geologia.
Assunto Aerogeofísica
Carbonatito
Controle estrutural
Rio Grande do Sul
Sensoriamento remoto
[en] Airborne geophysics
[en] Carbonatite
[en] Petrography
[en] Remote sensing
[en] Structural control
Resumo Os carbonatitos são litologias pertencentes ao grupo de rochas alcalinas e que apresentam grande interesse científico e econômico. Mundialmente se relata a ocorrência de 527 corpos de rochas carbonatíticas, o que salienta a singularidade composicional desse tipo de litologia na geologia global, sendo conhecido apenas um vulcão ativo deste tipo de rocha. No Brasil, é válido fazer especial menção para 5 corpos atualmente sob exploração mineral, nenhum deles situados no Rio Grande do Sul. O trabalho tem como objetivo caracterizar os dois corpos, recentemente identificados, de rochas carbonatíticas no Rio Grande do Sul, denominados Joca Tavares e Três Estradas, cuja descoberta eleva para 529 a contagem de ocorrências mundiais de carbonatitos. O objetivo principal do estudo é a caracterização, espacial e estrutural de cada corpo, a identificação de suas relações com as encaixantes, estabelecimento dos controles estruturais e contextualização geológica no escudo gaúcho, finalizado com a confecção de uma base SIG do projeto. O estudo deu-se a partir da reunião e integração de diversos dados sobre a área, análise detalhada de produtos de sensoriamento remoto disponíveis (fotografias aéreas, imagens de satélite) correlacionados com dados aerogeofísicos. Os produtos assim obtidos foram associados a descrições petrográficas a partir de amostras coletadas em campo e levantamentos no terreno para verificações litológicas e medições de parâmetros estruturais. O carbonatito Três Estradas está encaixado em gnaisses do embasamento (Complexo Granulítico Santa Maria Chico) e possui foliação orientada na direção NE, frequentemente com dobras fechadas a abertas. Tais características permitem classificar o corpo Tres Estradas como um carbonatito do tipo linear. O corpo Joca Tavares não possui foliação e está intrudido no contato entre os metamorfitos Arroio Marmeleiro e silicilásticas da Formação Cerro do Bugio sendo classificado como carbonatito do tipo central. Ambos os corpos situam-se próximo a intersecção de falhas NE-NW com abrangência regional. Conclui-se que os carbonatitos Joca Tavares e Três Estradas alojaram-se em sítios definidos pela intersecção de falhas NE e NW. A zona de falhas Suspiro-Linhares (Lineamento Ibaré) de orientação NW, que demarca o limite entre dois blocos, um constituído por rochas da crosta inferior (Complexo Granulítico) e o outro por rochas supracrustais do Grupo Palmas, constitui a estrutura que exerce o controle principal da ocorrência dos carbonatitos. O resultado do estudo permitiu a organização e a geração de uma quantidade significativa de dados abordando as ocorrências de rochas carbonatíticas em território gaúcho.
Abstract Carbonatites are alkaline rocks of economical and scientific singular importance in the geologic context due their specific particularities. Worldwide are known 527 punctual occurrences of carbonatite bodies, fact that points to the compositional singularity of this litology in the global geology. Only one of the occurrences is an active carbonatite-type volcanoe. Brazil holds five carbonatite bodies under mineral exploration, anyone in Rio Grande do Sul state. This work focus on the characterization of a recently discovered pair of carbonatites named as Joca Tavares Carbonatite and Tres Estradas Carbonatite, their identification on Rio Grande do Sul count up to 529 global carbonatites occurrences. The main objectives of this project are to macroscopic petrography, spatial and structural characterization of each body, its structural control and wallrock relationships and regional geological setting of the carbonatites in the Rio Grande do Sul shield. This work ends with making of a GIS system data . The study started with the collection and integration of diverse information surrounding the occurrences and involved detailed analysis of remote sensing (satellite and aerial) images plus airborne geophysical data. Thus the products generated were associated to field lithological verification, petrographic description of rock samples and in situ structural measurements. Tres Estradas Carbonatite are hosted by basement gneisses (Santa Maria Chico Granulitic Complex) and show oriented foliation to northeast direction, often folding. Hence, Tres Estradas is classified as a linear type carbonatite. The Joca Tavares Carbonatite is intruded along contact between Arroio Marmeleiro metamorphics and Cerro do Bugio siliciclastics and did not show foliation and is classified as a central type carbonatite. Both are situated near to significant NE-NW faults intersections. It is possible to conclude that the Joca Tavares and Tres Estradas were located at specific sites pointed by the NE and NW crossing faults. The northwest oriented Suspiro-Linhares Fault Zone (Ibare Lineament) consists of the main structural control of carbonatites ocurrences, this lineament delimits the boundary between upper crustal rocks of the Palmas Group and the deepest exposed crust (Santa Maria Chico Granulitic Complex). This project organized and generate a significant amount of data approaching the carbonatitic rocks on Rio Grande do Sul.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/66113
Arquivos Descrição Formato
000870649.pdf (16.98Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.