Repositório Digital

A- A A+

Entre tinteiros e bagadus : memórias feitas de sangue e tinta : a escrita da história em periódicos literários porto-alegrenses do século XIX (1856-1879)

.

Entre tinteiros e bagadus : memórias feitas de sangue e tinta : a escrita da história em periódicos literários porto-alegrenses do século XIX (1856-1879)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Entre tinteiros e bagadus : memórias feitas de sangue e tinta : a escrita da história em periódicos literários porto-alegrenses do século XIX (1856-1879)
Autor Gomes, Carla Renata Antunes de Souza
Orientador Cezar, Temistocles Americo Correa
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História.
Assunto Escrita da história
História do Rio Grande do Sul
Historicismo
Historiografia
Memória cultural
Murmúrios do Guahyba (Revista)
O Guayba (Jornal)
Periódicos
Porto Alegre (RS)
Revista do IHGPSP
Revista Mensal da Sociedade Parthenon Litterario
Resumo Esta pesquisa buscou acompanhar e estabelecer um percurso possível de construção da escrita da história sul-rio-grandense através de quatro periódicos literários, que circularam em Porto Alegre entre 1856 e 1879, a saber: O Guayba (1856-1858), Revista do IHGPSP (1860-1863), Murmúrios do Guahyba (1870) e Revista Mensal do Parthenon Litterario (1869-1879), compreendendo-os como um meio alternativo de apresentação das narrativas sobre a história regional e, a partir dessa avaliação, analisar em que medida é possível atribuir aos periódicos literários um papel realmente relevante na constituição do panorama historiográfico sul-rio-grandense do século XIX. As revistas literárias são o meio pelo qual se procurou vestígios de uma escrita da história rio-grandense, durante um período de escassa publicação desse gênero. Desse modo, buscou-se demonstrar como os periódicos podem ser compreendidos como constituintes de um espaço, lentamente institucionalizado que, ao congregar os letrados empenhados em produzir um ambiente intelectual propício à emergência de uma cultura histórica na Província, tornaram-se importantes constituintes na formação de um sistema literário - considerando tanto o ambiente de circulação quanto a análise do conteúdo dos periódicos, ou seja, o conjunto das práticas sociais que contextualizam a estrutura externa e interna dos periódicos e que contribuem para a criação de uma cultura histórica. Assim, ao produzirem narrativas ou transcreverem documentos e iniciarem a sua publicação nos periódicos, aqueles homens de letras deram início à formação de um duplo acervo documental. Um, relativo aos documentos publicados pertencentes a coleções públicas ou particulares, e outro, referente à produção periodística dedicada ao cultivo da memória e da história da Província. Tais publicações, convertidas em fonte histórica, tornam-se testemunhas da escrita pública, das escolhas de registro histórico e da existência de associações literárias sul-rio-grandenses. A sobrevivência desse conjunto documental é, portanto, representativa de um desejo de perpetuar uma memória sobre as práticas letradas da Província, demonstrando que o espaço criado para o exercício e afirmação dos letrados sul-rio-grandenses, nos periódicos literários, pode assinalar um começo institucional de produção tanto literária quanto historiográfica na Província do Rio Grande do São Pedro.
Abstract This research intended to control and establish a possible route for the construction of history writing in sul-rio-grandense through four literary journals that circulated in Porto Alegre between 1856 and 1879, namely: The Guayba (1856-1858) Journal of IHGPSP (1860-1863), the Guahyba Whispers (1870) and the Parthenon Literary Monthly Magazine (1869-1879). These were taken as an alternative means of presenting the narratives of regional history. From that appreciation, we try to analyse in what extent it is possible to assign a role to literary journals significantly relevant for the constitution of the historiographical sul-rio-grandense panorama in the nineteenth century. The literary magazines are the means by which they sought traces of written sul-rio-grandense history during a period of scarce publications of this kind. Thus we sought to demonstrate how the journals can be understood as constituting a space, slowly institutionalized, to bring together scholars engaged in producing an intellectual environment leading to the emergence of a historical culture in the Province, and became important constituents in the formation of a literary system - considering both the environmental movement and the content analysis of journals, like the set of social practices that contextualize the external and internal structure of the journals and contribute to the creation of a historical culture. Thus, by producing narratives or transcribing documents and initiating their publication in journals, those men of letters began to form a double collection of documents, one relating to published documents belonging to public or private collections, and the other on production of periodicals dedicated to the cultivation memory and history of the Province. Such publications, converted into historical source, became witnesses to the written public record, of the selection of historical records and the existence of literary sul-rio-grandenses associations. The survival of this set of documents is therefore representative of a desire to perpetuate a memory about the literate practices in the province, demonstrating that the space created for the exercise and affirmation of literate sul-rio-grandense in literary journals, may point out a beginning of institutional production in both literary and historiographical Province of Rio Grande de São Pedro.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/66317
Arquivos Descrição Formato
000869397.pdf (5.265Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.