Repositório Digital

A- A A+

Gestão colegiada : experiências de gestão participativa em saúde

.

Gestão colegiada : experiências de gestão participativa em saúde

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Gestão colegiada : experiências de gestão participativa em saúde
Autor Arsego, Lívia Ramalho
Orientador Grohmann, Luis Gustavo Mello
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Democracia
Gestão participativa
Grupo Hospitalar Conceição.
Saúde
[en] Democracy
[en] Participative management
[en] Worker valorization
Resumo Um dos pressupostos básicos do Estado Democrático pode ser considerado o princípio do recurso, ou seja, a possibilidade legítima e institucionalizada de oposição ao poder instituído, sendo o exercício da liberdade dos sujeitos. As práticas de gestão participativa na saúde reforçam a democracia e estabelecem os trabalhadores como agentes de transformação das processos de cuidado em saúde. Retoma-se a centralidade do sentido do trabalho, da autonomia, da responsabilização e do compromisso com os resultados das suas ações, trazendo o colegiado de gestão como um fórum de construção coletiva de novas práticas. As experiências do Grupo Hospitalar Conceição (GHC) são apresentadas como contribuição para a reflexão e o debate do controle social na saúde, tomando-se a experiência de dispositivos participativos de governança internos como impulsionadores de um melhor diálogo com os espaços de controle social estabelecidos na legislação.
Abstract One of the basic assumptions the Democratic State can be considered the principle of resource, ie the possibility of legitimate and institutionalized opposition to established power and the exercise of freedom of the individuals. Management participative practices in health policies reinforce the democracy and establish workers as agents of transformation processes in health care. Take up the centrality of the meaning of work, autonomy, responsibility and commitment with the results of their actions, bringing the collective management as a forum for collective construction of new practices. The experiences of Grupo Hospitalar Conceição (GHC) are presented as a contribution to the debate and discussion of social control in health, taking the experience of participative governance internal devices as a driving force of a better dialogue with the spaces of social control established in legislation.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/67072
Arquivos Descrição Formato
000871658.pdf (499.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.