Repositório Digital

A- A A+

Freqüência cardíaca em homens imersos em diferentes temperaturas de água

.

Freqüência cardíaca em homens imersos em diferentes temperaturas de água

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Freqüência cardíaca em homens imersos em diferentes temperaturas de água
Outro título Heart rate frequency in immersed individuals over different water temperatures
Autor Graef, Fabiane Inês
Peyré-Tartaruga, Leonardo Alexandre
Alberton, Cristine Lima
Kruel, Luiz Fernando Martins
Resumo O objetivo deste estudo foi analisar o comportamento da frequência cardíaca de indivíduos imersos na posição vertical, na profundidade entre apêndice xifóide e ombros, em três temperaturas de água (27, 30 e 33ºC). A amostra foi composta por 14 indivíduos do sexo masculino, praticantes de atividades aquáticas, na faixa etária de 18 a 35 anos. A frequência cardíaca foi verificada através de sensores de batimentos cardíacos da marca Polar, modelo Beat. O comportamento da frequência cardíaca foi determinado através das variações existentes entre a frequência cardíaca dos indivíduos na posição vertical fora de água e durante a imersão, em repouso. A análise dos dados foi feita utilizando-se estatística descritiva, análise de variância (ANOVA), com teste post-hoc de Bonferroni (p ≤ 0,05). Verificou-se que houve bradicardia durante a imersão, nas três temperaturas aquáticas. A bradicardia média na temperatura de 33ºC foi 17,85±10,67 bpm; em 30ºC, foi 24,14±11,16 bpm; em 27ºC, foi 33,75±11,27 bpm. As diferenças entre as médias mostraram-se estatisticamente significativas somente entre a temperatura de 27ºC e a temperatura de 33ºC. Conclui-se que, durante a imersão aquática em temperaturas variando entre 27 e 33ºC, a bradicardia tende a aumentar com a diminuição da temperatura.
Abstract Purpose of this study was to analyze the heart rate behavior of immersed individuals in the vertical position, at a depth between the xiphoid process and the shoulders, in three water temperatures (27, 30 and 33º C). Sample was composed of 14 male subjects aged 18 to 35, who practice water activities. Heart rate was monitored with Polar heart beat sensors, Beat model. The heart rate behavior was determined through the existing variations between the individualfs heart rate in the vertical position outside the water and during immersion, at rest. The analysis of the data was conducted using descriptive statistics, variance analysis (ANOVA), with Bonferroni’s post-hoc test (p ≤ 0,05). Bradycardia was observed during immersion in all three water temperatures. The average bradycardia at 33º C was 17,85±10,67 beat.min-1; at 30º C, it was 24,14±11,16 beat.min-1; at 27º C, it was 33,75±11,27 beat.min-1. The differences between the averages were only statistically significant between 27º C and 33º C. Therefore, during water immersion in temperatures varying between 27 and 33º C, bradycardia tends to increase with the reduction of water temperature.
Contido em Revista portuguesa de ciências do desporto. Porto,. Vol. 5, n. 3 (set. 2005), p. 266-273
Assunto Fisiologia do exercício
Frequência cardíaca
Imersão
[en] Heart rate
[en] Immersion
[en] Water temperature
Origem Estrangeiro
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/67113
Arquivos Descrição Formato
000684187.pdf (150.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.