Repositório Digital

A- A A+

Agentes e práticas da organização capitalista do espaço geográfico : o espetáculo do bairro Humaitá

.

Agentes e práticas da organização capitalista do espaço geográfico : o espetáculo do bairro Humaitá

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Agentes e práticas da organização capitalista do espaço geográfico : o espetáculo do bairro Humaitá
Autor Bianchi, Greison
Orientador Cattani, Antonio David
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Espaço socioambiental
Humaitá (Porto Alegre, RS)
Sociologia urbana
Transformações urbanas
[en] Changing agents of space
[en] District of Humaitá
[en] Spectacularization
Resumo Este trabalho busca conhecer práticas e agentes que incidem nas transformações do espaço urbano, no caso, no Bairro Humaitá em Porto Alegre. Essas transformações se traduzem em termos da acumulação de capital garantido pela ação conjunta de diversos agentes ligados tanto ao capital econômico privado como ao poder público, por meio de relações complexas e negociatas escusas. No Humaitá, o discurso das iniciativas públicas e privadas, afirma a existência de um bairro com condições ambientais ideais para a moradia de alto padrão, ignorando a degradação histórica da região. A análise documental de registros, certidões, laudos e leis, permitiu mapear a realidade ambiental da região e a reconstituição de práticas possíveis apenas ao grande capital. A partir da coleta de dados, procedemos à comparação entre a constituição socioambiental e o discurso dos agentes transformadores, presentes na propaganda televisiva, nos textos publicitários, nos discursos políticos e textos de leis. O que encontramos foi um desacordo entre as características do bairro preconizadas pela propaganda pública e privada, e sua realidade socioambiental. Verificamos uma interdependência entre capital privado e poder público em suas práticas, omitindo aspectos importantes sobre as possibilidades de ocupação urbana e sobre os processos de valorização fundiária. Para garantir a legitimidade dessas práticas, os agentes se valem de um processo de espetacularização do Bairro Humaitá.
Abstract This work seeks to understand practices and agents that affect the transformations of urban space, in this case, the district of Humaitá in Porto Alegre. These changes are reflected in terms of the accumulation of capital, guaranteed by the joint action of several agents attached both to the private economic capital and government, through complex relationships and shady business deals. In Humaitá, the discourse of public and private initiatives, asserts the existence of a neighborhood with ideal environmental conditions for upscale housing, ignoring the historical degradation of the region. The documentary analysis of records, certificates, reports and laws, allowed mapping the environmental reality of the region and the reconstitution of practices possible just to the capital. From the collection of data, we proceeded to the comparison between the environmental constitution and the discourse of changing agents, present in television advertising, in text ads, in political speeches and texts of laws. What we found was a disagreement between the characteristics of the neighborhood proposed by public and private propaganda, and its socio-environmental reality. We found interdependence between private capital and governmet in their practices, omitting important aspects about conditionings of urban occupation and on the processes of valuing land. To ensure the legitimacy of these practices, the agents make use of a process of spectacularization of Humaitá district.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/67245
Arquivos Descrição Formato
000872782.pdf (11.84Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.