Repositório Digital

A- A A+

Neoptólemo no Filoctetes de Sófocles

.

Neoptólemo no Filoctetes de Sófocles

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Neoptólemo no Filoctetes de Sófocles
Autor Gemelli, Cesar Lopes
Orientador Silva, Márcia Ivana de Lima e
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Crítica literária
Filoctetes (Peça de teatro)
Literatura grega clássica
Neoptólemo (personagem)
Sófocles 496?-406 A.C. Philoctetes = Filoctetes
Teatro
[en] Neoptolemus
[en] Odysseus
[en] Philoctetes
[en] Sophocles
Resumo Este trabalho tem o objetivo de estudar o personagem Neoptólemo na tragédia Filoctetes (c. 409 a.C.) de Sófocles (c. 496-406 a.C.). Neoptólemo inicialmente é trazido para Lemnos por Odisseu com a missão de auxiliá-lo a reconduzir Filoctetes e o arco de Héracles para Troia. Ao descobrir qual o procedimento proposto por Odisseu, Neoptólemo hesita, propondo que utilizem persuasão aberta para convencer Filoctetes em vez de enganá-lo. Neoptólemo oferece alguma resistência, mas acaba aceitando o sofisma de Odisseu. Ao tomar contato com Filoctetes, Neoptólemo aos poucos aprende sobre o modelo ético de que abriu mão aceitando a proposta de Odisseu. Cria-se um dilema em que o jovem Neoptólemo precisa decidir como irá agir. O próprio ato de decidir é motivo de hesitação para o jovem. Ao optar por uma ou outra atitude, Neoptólemo deverá necessariamente enfrentar todas as consequências de sua escolha, incluindo a impossibilidade voltar atrás, isto é, retroceder ao momento anterior a sua decisão, uma situação infantilizada em que as possibilidades ainda não teriam sido reduzidas por causa de cada escolha feita. Nos momentos finais, antes da chegada de Héracles, Neoptólemo finalmente decide por um caminho aparentemente próprio, intermediário aos que lhe foram apresentados inicialmente e aceita as consequências de sua escolha.
Abstract This work aims to study the character Neoptolemus in the tragedy Philoctetes (c. 409 BC) by Sophocles (c. 496-406 BC). Neoptolemus is initially brought to Lemnos by Odysseus with the mission of helping bring Philoctetes and the bow of Heracles back to Troy. Upon discovering the procedure of this mission proposed by Odysseus, Neoptolemus hesitates, suggesting they should openly persuade Philoctetes instead of tricking him. Neoptolemus offers some resistance, but eventually accepts Odysseus' sophistry. Upon making contact with Philoctetes, Neoptolemus gradually learns about the ethical model that he gave up by accepting Odysseus' proposal. This creates a dilemma in which the young Neoptolemus must decide how to act. The act of deciding in itself is cause for hesitation for the youngster. By choosing one attitude or another, Neoptolemus must face all the consequences of his choice, including the inability to go back, that is, back to the moment before the decision was made, a childish situation in which the possibilities have not yet been reduced because of each of his choices. In the final moments before the arrival of Heracles, Neoptolemus finally decides his own path, which is at an intermediate position in relation to the choices that were presented to him and he accepts the consequences of his choice.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/67273
Arquivos Descrição Formato
000871834.pdf (553.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.