Repositório Digital

A- A A+

Limites e possibilidades da gestão em saúde mental em Sapucaia do Sul: desafios do cuidado

.

Limites e possibilidades da gestão em saúde mental em Sapucaia do Sul: desafios do cuidado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Limites e possibilidades da gestão em saúde mental em Sapucaia do Sul: desafios do cuidado
Autor Lima, Daiane de
Orientador Reis, Roberta Alvarenga
Co-orientador Maggi, Cátia Bauer
Data 2012
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão em Saúde UAB.
Assunto Gestão em saúde
Políticas de saúde
Saúde mental
Suicídio
[en] Lines of care
[en] Management
[en] Mental health
[en] Suicide attempt
Resumo O presente trabalho apresenta a gestão em saúde mental do município de Sapucaia do Sul, abordando as linhas de cuidado nas tentativas de suicídio, com o intuito de descrever e analisar como se dá esse cuidado especifico em saúde mental, enfatizando o acompanhamento do pós-alta hospitalar. Como aporte teórico teve-se a conceituação e contextualização das políticas em saúde mental, as dimensões da gestão das linhas de cuidado e a reflexão sobre as tentativas de suicídio no Brasil e no Rio Grande do Sul. O estudo da pesquisa é do tipo exploratório, tranversal e descritivo e se utilizou o Sistema de Informações Hospitalares (SIHG) para verificar o perfil dos pacientes internados por tentativas de suicídio em 2011 e a aplicação de formulário para os gestores de saúde mental do município. Como resultados, obtivemos 58% das internações por transtornos mentais, 23% dos pacientes internaram por tentativa de suicídio, sendo que destes prevalece às mulheres, com 61%. Em relação à gestão da saúde mental, nota-se que está documentada e aos poucos sendo implementada melhorias na área, mas os gestores reconhecem que ainda enfrentam muitas carências e se questionam sobre a resolutividade do trabalho.
Abstract This paper presents the management of mental health in the municipality of The Highlands, covering the lines of care in suicide attempts, in order to describe and analyze how is this specific mental health care, emphasizing the follow-up post hospital discharge. As a theoretical contribution was to conceptualization and contextualization of mental health policies, the dimensions of the management of lines of care and consideration of suicide attempts in Brazil and in Rio Grande do Sul The research study is an exploratory and used the Hospital Information System (HIS) to see the profile of patients hospitalized for suicide attempts in 2011 and the application form for managers mental health of the municipality. We observed 58% of hospitalizations for mental disorders, 23% of patients hospitalized for attempted suicide, and of these women prevails, with 61%. In relation to the management of mental health, there is documented and that is gradually being implemented improvements in the area but the managers recognize that many still face shortages and wonder about the resolution of the work.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/67673
Arquivos Descrição Formato
000870009.pdf (1.601Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.