Repositório Digital

A- A A+

Satisfação dos beneficiários do Programa Bolsa Família no município de Chuvisca - RS

.

Satisfação dos beneficiários do Programa Bolsa Família no município de Chuvisca - RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Satisfação dos beneficiários do Programa Bolsa Família no município de Chuvisca - RS
Autor Gouveia, Nilton de Andrade
Orientador Sarria Icaza, Ana Mercedes
Data 2012
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão em Saúde UAB.
Assunto Políticas de saúde
Políticas públicas
Programa Bolsa Família.
Satisfação do usuário
Resumo Com o presente estudo, objetivou-se analisar os aspectos que interferem na vida da população em relação à operacionalização do Programa Bolsa Família (PBF) no município de Chuvisca (RS), sob a ótica dos atores envolvidos neste processo. Trata-se de um estudo, exploratório, com abordagem qualitativa, do tipo grupo focal, realizado em janeiro de 2012, através de reuniões com os grupos representantes: uma com servidores municipais e outra com o grupo dos beneficiários do programa. O estudo em discussão trouxe à tona a reflexão acerca dos fatores que interferem significativamente no contexto de uma vida saudável, da compreensão dos processos que são utilizados para elaborar conhecimentos, comentários e sugestões mais abrangentes como as condições de alimentação, habitação, educação, renda, meio-ambiente, trabalho, transporte, emprego, lazer, liberdade, acesso e posse da terra e acesso a serviços de saúde. Verificou-se que o município realizava basicamente o cadastramento e a atualização dos dados das famílias, ou seja, a gestão dos benefícios e das condicionalidades. O repasse monetário é a forma mais expressiva de intervenção, em detrimento do acompanhamento das famílias beneficiárias e das ações complementares voltadas à geração de emprego e renda. Alguns desafios à gestão local foram colocados, tais como: o esclarecimento e capacitação dos atores envolvidos na operacionalização do programa; a articulação entre diferentes atores e setores, com definição clara de suas respectivas atribuições; bem como o investimento em ações voltadas à emancipação das famílias em situação de vulnerabilidade social, incluindo-as na sociedade. Em especial através de políticas que incentivem à agricultura familiar, já que a maioria da população trabalha na pequena propriedade.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/67748
Arquivos Descrição Formato
000871513.pdf (471.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.