Repositório Digital

A- A A+

Associação entre hipoestesia corneana, olho seco e outros fatores em portadores de diabetes melito tipo 2

.

Associação entre hipoestesia corneana, olho seco e outros fatores em portadores de diabetes melito tipo 2

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Associação entre hipoestesia corneana, olho seco e outros fatores em portadores de diabetes melito tipo 2
Autor Fridman, Daniel
Orientador Lavinsky, Jacó
Co-orientador Friedman, Rogério
Data 2002
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas : Endocrinologia.
Assunto Diabetes mellitus tipo 2
Lagrimas
Síndrome de Sjögren
[en] Cornea
[en] Diabetes mellitus type II
[en] Dry eye syndromes
[en] Hypoesthesia
[en] Meibomian glands
[en] Sjogren’s syndrome
[en] Tears
Resumo Portadores de diabetes parecem ter mais queixas de olho seco do que o resto da população. Acredita-se que isto possa estar associado a uma forma de neuropatia diabética expressa por uma redução na sensibilidade corneana desses pacientes. Nossos principais objetivos neste estudo foram avaliar a influência da diabetes melito tipo 2 na sensibilidade corneana central e verificar se há uma associação entre a sensibilidade corneana central e a síndrome do olho seco em indivíduos com a doença. Assim, 62 portadores de diabetes tipo 2 foram submetidos a um exame oftalmológico de rotina, a uma ceratoestesiometria e a testes específicos para avaliar olho seco e polineuropatia distal simétrica. Num outro grupo, 20 voluntários saudáveis tiveram seus olhos avaliados da mesma forma, exceto pela não realização dos testes específicos para disfunção lacrimal. Entre os indivíduos diabéticos avaliados, foram observados 53.2% com hipoestesia corneana, 54.2% com retinopatia diabética, 45.9% com polineuropatia distal simétrica e 51.6% com a síndrome do olho seco. Entre os principais achados, observamos associações significativas envolvendo: diabetes tipo 2 e hipoestesia corneana central, síndrome do olho seco e hipoestesia corneana central, produção lacrimal reflexa (avaliada pelo teste de Schirmer II) e sensibilidade corneana central e retinopatia diabética proliferativa e sensibilidade corneana central. Uma possível associação foi encontrada envolvendo síndrome do olho seco retinopatia diabética proliferativa. Os autores discutem os resultados obtidos e os mecanismos envolvidos.
Abstract Diabetes bearers seem to have more complaints of dry eye than the rest of the population. It`s believed that this fact might be associated to a kind of diabetes neuropathy wich is represented by a reduction in corneal sensibility of these patients. Our main target in this study was to evaluate the influence of type 2 diabetes mellitus in central corneal sensibility and to determine if there is an association among central corneal sensibility and the dry eye syndrome in individuals suffering of this disease. Therefore, 62 type 2 diabetic patients were submitted to an ophthalmological routine examination, to corneal esthesiometry and to specific tests to evaluate dry eye and peripheral polineurophaty. In other group, 20 healthy volunteers had their eyes evaluated in the same way, except for the non accomplishment of the specific tests for dry eye. Among the examined diabetic individuals, 53.2% had corneal hypoesthesia, 54.2% presented diabetic retinopathy, 45.9% presented periferal polineuropathy and 51.6% presented the dry eye syndrome. Among the main findings, we observed associations between: type 2 diabetes and central corneal hypoesthesia, dry eye syndrome and central corneal hypoesthesia, reflex tear production (evaluated by Schirmer 2 test) and central corneal esthesiometry and also between proliferative diabetic retinopathy and central corneal sensibility. A possible association was found involving dry eye syndrome and proliferative diabetic retinophaty. The authors discuss the results obtained and the involved mechanisms.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/6830
Arquivos Descrição Formato
000447785.pdf (1.102Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.