Repositório Digital

A- A A+

Percepções de enfermeiras obstétricas sobre sua competência na atenção ao parto normal hospitalar

.

Percepções de enfermeiras obstétricas sobre sua competência na atenção ao parto normal hospitalar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepções de enfermeiras obstétricas sobre sua competência na atenção ao parto normal hospitalar
Outro título Obstetrical nurses' perceptions of their competence in assisting hospital delivery
Outro título Percepciones de enfermeras obstétricas sobre su competencia en la atención del parto normal hospitalario
Autor Rabelo, Leila Regina
Oliveira, Dora Lúcia Leidens Corrêa de
Resumo Investiga-se a percepção de enfermeiras obstétricas sobre sua competência na atenção ao parto normal (PN) hospitalar. Os dados foram coletados em pesquisa qualitativa, através de entrevistas individuais semi-estruturadas, realizadas em um hospital universitário de Porto Alegre, e submetidos à análise de conteúdo. A análise foi embasada nos referenciais que definem competência profissional como a capacidade de mobilizar diferentes conhecimentos, dependendo dos problemas da prática a resolver. Para as entrevistadas, a competência para atender o PN hospitalar é multidimensional, embora tenham enfatizado sua dimensão técnica. Essa ênfase é justificada pela insegurança resultante da falta de espaço para realizarem este atendimento, em função de disputas com médicos e deficiências na formação. O desejo de serem competentes no atendimento ao PN não se traduz, porém, na consciência das suas responsabilidades na transformação deste cenário. Isso sugere que, para agir nesta direção, seria necessário, não só desenvolver competência técnica, mas também éticopolítica.
Resumen Se investiga la percepción de enfermeras obstétricas sobre su competencia en la atención del parto normal (PN) hospitalario. Los datos fueron recolectados en investigación cualitativa, a través de entrevistas individuales semiestructuradas realizadas en un hospital universitario de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, y sometidos al método de análisis de contenido. El estudio se basó en los referenciales que definen la competencia profesional como la capacidad de movilizar diferentes conocimientos, dependiendo de los problemas de la práctica a resolver. Para las entrevistadas, la competencia para atender el PN hospitalario es multidimensional, aunque tenían enfatizada su dimensión técnica. Dicho énfasis se justifica en la inseguridad resultante de la falta de espacio para realizar este proceso de atención, en función de disputas con médicos y deficiencias en la formación. El deseo de ser competentes en la atención del PN no se traduce en la conciencia de sus responsabilidades en la transformación de este escenario. Eso sugiere que, para actuar en esta dirección, sería necesario no sólo desarrollar competencia técnica, sino también competencia ético-política.
Abstract The perception that obstetrical nurses have of their competence in assisting hospital deliveries has been investigated in this qualitative study. Data collection was performed through individual semi-structured interviews at a university hospital in Porto Alegre, and was then submitted to content analysis. The analyses were grounded on frameworks that define professional competence as the ability to mobilize different kinds of knowledge, depending on the practice problems to be solved. The obstetrical nurses understand competence in attending hospital deliveries as something multidimensional, although they have emphasized its technical dimension. This emphasis is justified through insecurity resulting from a lack of space to provide nursing care to hospital delivery, due both to disputes with physicians and to deficiencies in nurses’ training. The desire to be competent in providing care during hospital deliveries has not been translated into awareness of their responsibilities in changing that scenario. This suggests that in order to act towards those desired changes, it would be necessary to develop not only technical but also ethical-political competence.
Contido em Revista da Escola de Enfermagem da USP. São Paulo. Vol. 44, n.1 (mar. 2010), p. 213-220
Assunto Enfermagem obstétrica
Papel do profissional de enfermagem
Parto humanizado
[en] Humanized delivery
[en] Nurse’s role
[en] Obstetrical nursing
[en] Parturition
[en] Professional competence
[es] Competencia profesional
[es] Enfermería obstétrica
[es] Papel del profesional de enfermería
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/69682
Arquivos Descrição Formato
000737275.pdf (196.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir
000737275-02.pdf (138.4Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.