Digital Repository

A- A A+

Comunicação e cultura : práticas cotidianas e construção da cidadania na comunidade quilombola Campina de Pedra, município de Poconé, MT

DSpace/Manakin Repository

Comunicação e cultura : práticas cotidianas e construção da cidadania na comunidade quilombola Campina de Pedra, município de Poconé, MT

Show full item record

Statistics

Title Comunicação e cultura : práticas cotidianas e construção da cidadania na comunidade quilombola Campina de Pedra, município de Poconé, MT
Author Almeida, Cristóvão Domingos de
Advisor Morigi, Valdir Jose
Date 2012
Level Doctorate
Institution Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação.
Subject Cidadania
Comunidade Quilombola Campina de Pedra (Poconé, MT)
Meios de comunicação de massa
O Estado de S. Paulo (Jornal)
[en] Citizenship
[en] Communication
[en] Culture
[en] Daily practices
[en] Quilombolas
Abstract in Portuguese Esta pesquisa parte do princípio de que a articulação entre comunicação e cultura é fundamental para a conquista da cidadania. Identifica essa articulação a partir da mediação dos meios de comunicação nas práticas cotidianas dos remanescentes de quilombos e analisa como esses meios auxiliam na construção da cidadania junto às manifestações da cultura local dos quilombolas. O trabalho focaliza a experiência da comunidade quilombola Campina de Pedra, localizada no município de Poconé, estado do Mato Grosso. Essa comunidade foi a primeira a obter eletrificação rural na região, o que possibilitou o ingresso dos meios de comunicação nas residências dos quilombolas. Analisamos as práticas cotidianas: falar, habitar, trabalhar, caminhar, cozinhar, rezar, consumir, relacionando-as com o processo de implantação dos meios de comunicação na comunidade. Apoiados no método etnográfico identificamos dois movimentos: o primeiro deles é que os meios de comunicação na comunidade promovem mudanças nas práticas cotidianas dos quilombolas; o segundo movimento é que eles também servem de espaços de fortalecimento das tradições, do reconhecimento social, da identidade étnica e da conquista da cidadania. Através das discussões teóricas e dos procedimentos metodológicos, verificamos que as práticas cotidianas dos quilombolas se articulam de modo coerente como espaço de resistência e mecanismos de manutenção da cultura, de pertencimento ao local e de comunicação com o outro. Mas, a partir da interação com a mídia - como o hábito diário de ver televisão e de ouvir rádio - os quilombolas se apropriam das informações para garantir o dizer a palavra e a participação coletiva no espaço comunitário. Evidencia-se que as práticas cotidianas dos quilombolas têm a ver com as suas lutas, que mantêm as tradições, bem como o esforço para garantir a democratização da comunicação na comunidade, uma vez que ela pode resultar na conquista da cidadania e nas transformações sociais.
Abstract This research assumes that the articulation between communication and culture is paramount to the achievement of citizenship. It identifies this articulation on the mediation of media during the daily practices of quilombo‟s remaining people and analyses how these media help in the construction of citizenship alongside manifestations of quilombolas‟ local culture. The work focuses on the experience of quilombola community Caminho da Pedra, set in the town of Poconé, Mato Grosso state. This community was the first one to obtain rural electrification in that region, which allowed the entrance of media inside quilombolas‟ residences. We analyzed daily practices: talking, inhabiting, working, walking, cooking, praying and consuming, relating these to the process of media implantation in the community. Supported by the ethnographic method, we have identified two movements: the first of them is that media in the community promotes change of the quilombolas‟ daily practices; the second movement is that media also serves as an instrument of strengthening of traditions, of social recognition, of ethnic identity and of achievement of citizenship. Through theoretical debates and methodological procedures, we have verified that quilombolas‟ daily practices are articulated coherently as a space of resistance and culture maintenance mechanisms, of local pertaining and of communication with the other. But, with media interaction – such as the daily habit of watching television and listening to the radio – quilombolas take ownership of information to ensure the position of talking and the collective participation in the community space. It is highlighted that quilombolas‟ daily practices are related to their causes, which maintain traditions, as well as to the effort to ensure democratization of communication in the community, since it can result in the achievement of citizenship and of social transformations.
Type Thesis
URI http://hdl.handle.net/10183/69719
Files Description Format View
000867107.pdf (5.504Mb) Texto completo Adobe PDF View/Open

This item is licensed under a Creative Commons License

This item appears in the following Collection(s)


Show full item record

Browse



  • The author is the owner of the copyrights of the documents available in this repository and is prohibited under the law, the marketing of any kind without prior authorization.
    Graphic design by Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.