Repositório Digital

A- A A+

Atendimento a idosos de uma unidade de saúde da família de acordo com o risco familiar

.

Atendimento a idosos de uma unidade de saúde da família de acordo com o risco familiar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Atendimento a idosos de uma unidade de saúde da família de acordo com o risco familiar
Autor Nakata, Priscila Tadei
Orientador Rosset, Idiane
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Assistência à saúde
Idosos
Saúde da família
[en] Family health
[en] Old age assistance
[en] Social vulnerability
Resumo O objetivo deste estudo é caracterizar os idosos com 70 anos ou mais de uma Estratégia de Saúde da Família, quanto a aspectos sociodemográficos, situação de saúde e atendimentos de acordo com a situação de Risco Familiar. Trata-se de um estudo descritivo e exploratório, quantitativo e retrospectivo, referente ao ano de 2011. O estudo incluiu, a priori, todos os idosos com 70 anos ou mais (119), cadastrados na Estratégia da Saúde da Família Nossa Senhora de Belém, Porto Alegre, RS. Os dados foram coletados por meio de um instrumento que incluiu variáveis sociodemográficas, de risco familiar, de saúde e de atendimentos, obtidas através da ficha A do Sistema de Informação da Atenção Básica e dos prontuários dos idosos. Para análise descritiva dos dados foi utilizado o programa Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) 18.0. Este estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre. Obteve-se uma amostra final de 109 idosos. A maioria foi do sexo feminino (64,1%), alfabetizados (77,1%), aposentados (67,9%) e sem plano de saúde (67%), com média de idade de 77,2 (±5,04) anos. A proporção de idosos de famílias em situação de risco correspondeu a 61,5%. A média de doenças crônicas não transmissíveis foi de 2,71 (± 1,4), sendo a hipertensão arterial sistêmica (HAS) a mais prevalente (70%). Observou-se que do total de atendimentos (270), 86,3% foram consultas e 13,7% foram visitas domiciliares, de médicos ou enfermeiros. A média geral de consultas foi 2,14 (± 2,4) e de visitas domiciliares foi de 0,34 (± 0,90), sendo que 67% dos atendimentos foram para idosos de famílias em risco. Dentre os atendimentos de enfermagem (8,1%), a maior parte (68,4%) foi realizada por meio de consultas a idosos de famílias em risco. Dentre os principais motivos das consultas, destaca-se o acompanhamento de doenças crônicas não transmissíveis com (51,1%). Em relação aos motivos das visitas domiciliares, 84,8% delas também foram devido ao acompanhamento de doenças crônicas não transmissíveis. Concluiu-se que o reduzido número de atendimentos a idosos por parte da enfermagem, requeira uma adequação do planejamento assistencial de forma a contemplar as necessidades de cuidado, especialmente àqueles mais velhos e em situação de vulnerabilidade social. Sendo a enfermagem uma profissão que participa ativamente desse planejamento poderá utilizar-se dos achados deste estudo para priorizar ações em saúde voltadas a essa faixa etária na Atenção Básica.
Abstract This study aims to characterize the elderly at the age of 70 or older through a Family Health Strategy, demographic aspects, health situation and care according to the Family Risk situation. This is a descriptive and exploratory study of the quantitative nature and retrospective approach, throughout the year 2011. The study included, at first, all elderly people at the age of 70 or older registered in the unit (119). The data were collected from Nossa Senhora de Belém Family Health Strategy in Porto Alegre, RS. The instrument included demographic variables, such as family risk, health, attendance, obtained through plug A from Information System of Basic Care and records of the family of the elderly. For descriptive analysis of the data, the Statistical Package for the Social Sciences program (SPSS) 18.0 was used. This study was approved by the Ethics Committee on Research from of the Municipal Health Office of Porto Alegre. It was obtained a final sample from 109 elderly. Most were women (64,1%), (77,1%) literate, (67,9%) retired people, (67%) without health insurance, at the average age of 77,2 (± 5,04). The proportion of elderly at a risk situation corresponded to 61.5%. The average number of chronic non- contagious diseases was 2.71 (± 1.4) for each elderly. Systemic arterial hypertension was the most prevalent disease (70%) in the elderly. It was noted that of the total number of attendances (270), 86, 3% was through appointments and 13, 7% was through home visits, such as doctors or nurses. The overall average of appointments was 2, 14 ± 2, 4 and home visits 0, 34 ± 0,90. It was also noticed that 67% of the total number of appointments were for elderly from families at risk. Among the nursing care cases (8,1%), most (68.4%) was directed to the elderly of families at risk. Among the main reasons of the appointments, it is pointed out the monitoring of chronic non-contagious diseases (51.1%) and when it comes to reasons for home care visits, it is pointed out the clinical symptoms of diseases already installed (84,8%). It was concluded that the reduced number of nursing appointments for the elderly required an adjustment in planning so as to assure the care needs, especially to those who are older and socially vulnerable. Since nursing is a profession that actively participates in the planning, it will be possible to use the information in this study to prioritize health actions towards this age group in Basic Attention.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/69759
Arquivos Descrição Formato
000873008.pdf (1.304Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.