Repositório Digital

A- A A+

O crescimento brasileiro entre 2000 e 2011 : o impulso primário exportador

.

O crescimento brasileiro entre 2000 e 2011 : o impulso primário exportador

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O crescimento brasileiro entre 2000 e 2011 : o impulso primário exportador
Autor Gomes, Renan Magro
Orientador Feijó, Flavio Tosi
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Brasil
Crescimento econômico
Exportação
Modelo econométrico
[en] China
[en] Cointegration
[en] Economic growth
[en] Reprimarization
Resumo O presente trabalho busca estudar o crescimento econômico brasileiro entre 2000 e 2011. O objetivo principal é averiguar a existência de um processo de reprimarização da pauta exportadora brasileira nesse período. A entrada da China na OMC impactou o mundo inteiro graças a sua enorme produção de manufaturados e a sua imensa necessidade de alimento, matérias-primas e energia. Com isso, buscamos mostrar o impacto do crescimento chinês sobre a demanda e nos preços de produtos que respondem por grande parte das exportações brasileiras como o minério de ferro e a soja. Por último, estimamos duas equações de longo prazo: uma para as exportações de produtos básicos e outra de bens manufaturados para avaliar a importância de variáveis macroeconômicas nas exportações brasileiras. Ao final, argumentamos que existiu um processo de reprimarização na pauta exportadora brasileira entre 2000 e 2011, a China impactou positivamente as exportações brasileiras de produtos básicos e demonstramos que as exportações são explicadas, em grande parte, pela renda mundial.
Abstract This work studies the brazilian economic growth between 2000 and 2011. The main objective is to ascertain the existence of a process reprimarization of brazilian exports in this period. The entry of China into the WTO has impacted the whole world thanks to its huge production of manufactures and their immense need for food, raw materials and energy. With this, we show the impact of chinese growth on the demand and prices of products that account for a large part of brazilian exports such as iron ore and soybeans. Finally, we estimate two equations for long term: one for commodity exports and other manufactured goods to assess the importance of macroeconomic variables in brazilian exports. In the end, we argue that there was a process in reprimarization brazilian exports between 2000 and 2011, China has positively impacted Brazilian exports of commodities and show that exports are explained in large part by the global income.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/69966
Arquivos Descrição Formato
000875599.pdf (933.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.