Repositório Digital

A- A A+

Imigração aos Estados Unidos da América : análise histórica e tendências no início do século XXI

.

Imigração aos Estados Unidos da América : análise histórica e tendências no início do século XXI

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Imigração aos Estados Unidos da América : análise histórica e tendências no início do século XXI
Autor Cunha, Filipe Brum
Orientador Souza, Romina Batista de Lucena de
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais.
Assunto Estados Unidos
Imigração
Migração internacional
Relações internacionais
[en] Borders
[en] Illegal immigration
[en] Immigration
[en] Migration flows
[en] United States
Resumo A imigração aos Estados Unidos se tornou um dos maiores fenômenos globais durante o sécu-lo XX. Alguns fatores, entretanto, estariam indicando que, especialmente a partir da crise e-conômica de 2008, os fluxos migratórios ao país norte-americano poderiam estar diminuindo. Este trabalho busca analisar tal movimento recente de imigração aos Estados Unidos à luz do histórico das políticas migratórias adotadas no país, partindo da hipótese de que a aparente redução da imigração aos Estados Unidos se trata de uma questão temporária. Inicialmente, é examinado o histórico da imigração aos Estados Unidos desde os primeiros imigrantes do país até a década de 1970, em que são abordados os principais acontecimentos históricos desta fase e sua influência na imigração, com destaque às políticas migratórias adotadas no período. A seguir, analisa-se a maneira como os índices migratórios se elevaram fortemente ao final do século XX. São debatidos os motivos que levaram a este aumento e a forma como os Estados Unidos lidaram com a questão. Por fim, o trabalho aborda alguns fatores da década de 2000 que poderiam estar causando uma redução nos índices migratórios aos Estados Unidos. São eles a crise econômica de 2008; o aumento da segurança da fronteira americana com o Méxi-co; as políticas migratórias do final dos anos 2000 (com destaque à proposta da reforma do sistema migratório de Barack Obama e a lei SB 1070 do estado americano do Arizona); e as condições internas de alguns dos países de origem dos migrantes (México, América Central e Caribe, Brasil e alguns países asiáticos) e a maneira como elas afetam a imigração de nacio-nais destes países aos Estados Unidos. A análise realizada aponta que, embora tenha havido uma redução dos índices migratórios em comparação aos anos 1990, a leve tendência de que-da apresentada ao final da década de 2000 não configura um movimento permanente, mas, sim, insere-se na tradição da imigração aos Estados Unidos de apresentar diferentes fluxos de crescimento e queda ao longo de sua história.
Abstract Immigration to the United States became a major global phenomena during the twentieth cen-tury. Some factors, however, could be indicating that, especially since the 2008 economic crisis, migration flows to the North American country could be slowing. This paper analyses this recent flow of immigration to the United States in light of the history of immigration pol-icies adopted in the country, based on the assumption that the apparent reduction in immigra-tion to the United States is a temporary issue. Initially, we analyze the history of immigration to the Unites States since the country's first immigrants until the 1970s, in which we focus on the main historical events of this phase and its influence on immigration, especially migration policies adopted in this period. Next, we analyze how migration flows rose sharply at the end of the twentieth century. We debate the reasons that took to this increase and the way the United States dealt with the subject. Finally, we discuss some factors of the 2000s which could be causing a reduction in the immigration rates in the United States. They are the 2008 economic crisis; the enforcement in the security of the American border with Mexico; the migration policies of the late 2000s (particularly Barack Obama's proposed migration system reform and the SB 1070 law of the U. S. state of Arizona); and the internal condition of some of the migrants' countries of origin (Mexico, Central America and the Caribbean, Brazil and some Asian countries) and the way they affect immigration from nationals of these countries to the United States. The analysis indicates that, though there has been a reduction in migra-tion flows compared to the 1990s, the slight downward trend shown by the end of the 2000s does not configure a permanent process, but rather is part of the tradition of immigration to the United States to present different flows of rises and falls of migrations throughout its his-tory.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/70009
Arquivos Descrição Formato
000876107.pdf (2.084Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.