Repositório Digital

A- A A+

Fitoesteróis e os benefícios na prevenção de doenças: uma revisão

.

Fitoesteróis e os benefícios na prevenção de doenças: uma revisão

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fitoesteróis e os benefícios na prevenção de doenças: uma revisão
Autor Breda, Manuela Cristina
Orientador Henriques, Amelia Teresinha
Co-orientador Marin, Rafaela
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Curso de Farmácia.
Assunto Colesterol
Doenças cardiovasculares
Fitoesterol
[en] Cancers
[en] Cholesterol
[en] Heart diseases
[en] Oxidative stress
[en] Phytostanols
[en] Phytosterols
Resumo Os alimentos funcionais ou formas farmacêuticas que apresentam em sua composição fitoesteróis têm sido utilizados para a prevenção e redução de sintomas provocados por doenças relacionadas ao envelhecimento. O uso destes compostos é mais frequente para o tratamento de dislipidemias, uma vez que está cientificamente comprovado que os fitoesteróis promovem a redução dos níveis de colesterol. Estes compostos químicos também podem ser usados em associação com medicamentos hipocolesterolemiantes como as estatinas, para tornar mais eficaz a redução que seria obtida com o uso exclusivo desses medicamentos. O consumo de produtos enriquecidos com fitoesteróis é incentivado pelas indústrias farmacêuticas e alimentícias. No entanto, os resultados dos estudos científicos que evidenciam o uso dos fitoesteróis como agentes terapêuticos para inúmeras patologias, muitas vezes são negligenciados ao consumidor. Desta forma, ao consumidor é transmitida uma idéia supervalorizada da eficácia dos fitoesteróis nos tratamentos das patologias propostas, fazendo que este se sinta intimado a adquirir tais produtos, independentemente dos preços a eles atribuídos. A idéia central do trabalho é, portanto, avaliar se há um embasamento científico que comprove, através dos aspectos relacionados à eficácia e segurança, o emprego disseminado pela mídia dos fitoesteróis. Por isso, o presente trabalho analisou as publicações científicas recentes que argumentam o uso dos compostos fitoesteróis (esteróis e/ou estanóis) como potenciais agentes redutores dos níveis de colesterol total e colesterol LDL e como terapia de prevenção de doenças cardíacas. Analisou ainda a indicação do uso de fitoesteróis como potenciais agentes quimiopreventivos. A ação desses compostos sobre o estresse oxidativo, o qual está relacionado ao desenvolvimento da aterosclerose, é também apresentada no trabalho.
Abstract Functional foods or dosage forms that present phytosterols in their composition have been used to prevent and decrease symptoms caused by diseases related to elderly. The use of these compounds is more often in the treatment of dyslipidemia, since it is scientifically proved that phytosterols can lead to reduction of cholesterol levels. These phytochemical compounds can also be used in association with hypocholesterolemic agents such as statins, to improve the reduction that would be reached only with the use of medicines. The consume of products enriched with phytosterols is motivated by pharmaceutical and food industries that use the media to advertise such products. However, results of scientific studies which showed the use of phytosterols as therapeutical agents for several patologies, many times are neglected from consumers. This way, an overrated efficacy of phytosterols in the treatments of mentioned pathologies is transmitted to the consumers, what intimidates them to purchase such products not taking into account their prices. The main purpose of this work is to evaluate if there is a scientific base that proves the disseminated use of phytosterols by media through aspects related to efficacy and safety. Thus, the present study analyzed the scientific reports that support the use of phytosterols (sterols and/or stanols) as potential reducing agents of total and LDL cholesterol levels like a therapy to prevent heart diseases. It was also analyzed the use of phytosterols as chemical preventive agents. The action of these compounds about oxidative stress, which is related to the development of atherosclerosis, is also presented in this review.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70084
Arquivos Descrição Formato
000777696.pdf (506.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.