Repositório Digital

A- A A+

Análise do acesso a medicamentos em uma unidade do Programa de Saúde da Família em Porto Alegre

.

Análise do acesso a medicamentos em uma unidade do Programa de Saúde da Família em Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise do acesso a medicamentos em uma unidade do Programa de Saúde da Família em Porto Alegre
Outro título Analysis of the access to drugs in a family health program (FHP) team in Porto Alegre
Autor Sampaio, Gabriella Calvi
Orientador Bueno, Denise
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Curso de Farmácia.
Assunto Acesso aos medicamentos
Atenção primária à saúde
Programa de saúde da família
[en] Drug dispensatories
[en] Family health program (FHP) team
[en] Pharmaceutical services
Resumo O objetivo deste estudo foi analisar o acesso a medicamentos em uma Unidade do Programa de Saúde da Família em Porto Alegre-RS-Brasil e discutir a importância do profissional farmacêutico na Atenção Primária à Saúde. A metodologia empregada foi de um estudo transversal, no período de Março a Junho de 2011, realizado na Unidade de Saúde Herdeiros, no distrito sanitário de saúde Partenon/Lomba do Pinheiro, na cidade de Porto Alegre-RS. As prescrições objeto deste estudo envolveram medicamentos não encontrados no dispensário desta Unidade de Saúde e a análise destas prescrições ocorreu nos horários e dias onde houve presença do profissional farmacêutico. A partir do receituário foi gerado um banco de dados informatizados com os dados dos usuários desta Unidade de Saúde. Um total de 453 prescrições foram analisadas e os dados coletados demonstraram que o percentual de prescrições onde os medicamentos prescritos foram totalmente atendidos representou 86,75%, enquanto que o de prescrições que não tiveram todos os medicamentos atendidos foi de 13,25%. Entre o total de prescrições não atendidas (13,25%), as prescrições de medicamentos sob controle especial não atendidas foram de 4,40%; 2,43% foram de outros medicamentos restritos à Farmácia Distrital; 3,55% foram de medicamentos que não constam na REMUME e 2,87% foram prescrições de medicamentos pertencentes a REMUME mas que estavam em falta na Unidade Herdeiros no período do estudo. O nome comercial foi utilizado em pelo menos um medicamento em 3,98% das prescrições não atendidas (13,25%). A prescrição do medicamento quando acompanhada por uma equipe multiprofissional de saúde possibilita que os usuários de uma Unidade de Saúde estabeleçam vínculo com o profissional farmacêutico, desta forma aumentando a resolutibilidade do Sistema de Saúde. A Residência Multiprofissional em Saúde pode potencializar o entendimento da equipe de saúde sobre o papel e a importância do farmacêutico no contexto da Atenção Primária em Saúde, entendendo o medicamento como ferramenta desta prática em saúde.
Abstract This study analyzes the access of drugs in a Family Health Program (FHP) team in Porto Alegre-RS-Brasil and discusses the importance of the professional pharmacist in Primary Health Care. The methodology employed was a cross-sectional study, in the period from March to June 2011, held in Herdeiros Health Center, at Partenon/Lomba do Pinheiro Health District, in the city of Porto Alegre-RS, Brazil. The prescriptions in this study involved drugs that were not found in the dispensary of this Health Center and the analysis of these prescriptions occurred at the time and days when the pharmacist was present. From the prescription, a computerized database was created with data of the users of this Health Center. A total of 453 prescriptions were analyzed and the collected data showed that the percentual of prescriptions where all the drugs were supplied represented 86.75%, while the prescriptions without all the drugs supplied were 13.25%. From the total of non supplied prescriptions (13.25%), drugs of special control prescriptions not supplied were 4.40%; 2.43% were of other drugs which need restrict dispensation at the district pharmacy; 3.55% were of drugs which were not at basic list drugs and 2.87% were of drugs prescriptions that were at the basic list drugs but were not in Herdeiros Health Center at the time of the study. The commercial name was used at least in one drug in 3.98% of the non supplied prescriptions (13.25%). The drug prescription when followed by a Family Health Program (FHP) team enables the users of a Health Center to establish connection with the professional pharmacist, thus increasing the effectiveness of the Health System. The Health Multiprofessional Residency can potencialize the understanding of the health team about the function and importance of the pharmacist in the context of Primary Health Care, understanding the drug as a tool of this health practice.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70114
Arquivos Descrição Formato
000821937.pdf (322.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.