Repositório Digital

A- A A+

A injeção intracerebroventricular de lipopolissacarídeo compromete o metabolismo energético em cérebro de ratos jovens

.

A injeção intracerebroventricular de lipopolissacarídeo compromete o metabolismo energético em cérebro de ratos jovens

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A injeção intracerebroventricular de lipopolissacarídeo compromete o metabolismo energético em cérebro de ratos jovens
Autor Ritter, Luciana
Orientador Leipnitz, Guilhian
Co-orientador Ribeiro, César Augusto João
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Curso de Farmácia.
Assunto Doenças neurodegenerativas
Inflamação
Injeções intraventriculares
Lipopolissacarídeos
Resumo Diversas evidências sugerem que a inflamação tem papel crítico na patogênese de diversas doenças neurodegenerativas. Com o objetivo de avaliar o possível envolvimento de uma disfunção energética na neuroinflamação, no presente estudo investigamos os efeitos da injeção intracerebroventricular de lipolissacarídeo (LPS) (50 μg) sobre a viabilidade mitocondrial, as atividades dos complexos da cadeia de transporte de elétrons e de enzimas do ciclo do ácido cítrico, bem como das enzimas creatina quinase e Na+,K+-ATPase em córtex cerebral de ratos Wistar jovens 24 h após a administração do composto. A injeção de LPS reduziu o potencial redox mitocondrial (33 %), determinada pela redução da resazurina, bem como diminuiu a atividade da enzima -cetoglutarato desidrogenase (22 %), sem alterar as atividades das enzimas citrato sintase, sucinato desidrogenase e dos complexos II, II-III e IV da cadeia de transporte de elétrons. Além disso, o LPS reduziu as atividades das enzimas creatina quinase e Na+,K+-ATPase (20 %). Esses resultados indicam que o LPS compromete a função mitocondrial e reduz as atividades de importantes enzimas envolvidas na bioenergética e neurotransmissão em córtex cerebral. Nossos achados sugerem que a disfunção mitocondrial pode ser um dos mecanismos envolvidos no dano cerebral apresentado por pacientes acometidos por doenças neurodegenerativas caracterizadas por neuroinflamação.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70127
Arquivos Descrição Formato
000865104.pdf (505.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.