Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento da versão em português da Escala Administrada pelo Clínico para Avaliação de Mania (EACA-M): "Escla de Mania de Altman"

.

Desenvolvimento da versão em português da Escala Administrada pelo Clínico para Avaliação de Mania (EACA-M): "Escla de Mania de Altman"

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento da versão em português da Escala Administrada pelo Clínico para Avaliação de Mania (EACA-M): "Escla de Mania de Altman"
Outro título Desarrollo de la versión para Portugués de la Escala Administrativa por el Clínico para Avaluación de Manía (EACA – M) : “Escala de Manía de Altman”
Outro título Development of the Portuguese-language versión of the Clinician-Administered Rating Scale for Mania (CARS-M) : “Altman Scale for Mania”
Autor Shansis, Flavio Milman
Berlim, Marcelo Turkienicz
Mattevi, Betina S.
Maldonado, Gabriela
Izquierdo, Ivan Antonio
Fleck, Marcelo Pio de Almeida
Resumo Objetivos: No presente artigo é apresentado o desenvolvimento da versão em português da “Clinician- Administered Rating Scale for Mania” (CARS-M) de Altman e colaboradores intitulada: Escala Administrada pelo Clínico para Avaliação de Mania (EACAM) ou “Escala de Mania de Altman”. Os objetivos desse artigo são: (1) descrever a metodologia de elaboração da versão em português da CARS-M, (2) transmitir as impressões dos profissionais que a utilizaram e (3) disponibilizar a escala na íntegra em língua portuguesa. Métodos: Os métodos utilizados foram: a) painel bilíngüe de tradução e discussão de todos os itens; b) retrotradução por pessoa habilitada; c) envio ao próprio autor da escala da nova versão em inglês originada a partir da sua tradução para o português; d) discussão com o autor dos pontos pendentes, bem como nova discussão entre os participantes do grupo de pesquisadores brasileiros até se chegar a um consenso. Conclusões: A impressão dos autores é a de que a EACA-M permite não apenas a fácil pontuação de todos os escores, mas também cobre o largo espectro de apresentação de uma síndrome maníaca. Com este artigo, a comunidade científica de Língua Portuguesa passa a dispor de um importante instrumento para avaliação do estado maníaco.
Abstract Objectives: The following article presents the development of the Portuguese-language version of the “Clinician-Administered Rating Scale for Mania” (CARS-M) by Altman and collaborators. The objectives of the article are: 1. to describe the methodology used to prepare the Portugueselanguage version of CARS-M 2. to transmit the impressions of professionals who have worked with it, and 3. to make the whole scale available in the Portuguese language. Methods: The methods used were: a. bilingual panel to translate and discuss all items; b. a backtranslation by an able person; c. sending the author the new English version of the scale in its new English version developed from its translation into Portuguese and d. discussing the pending points with the author, and a new discussion among the members of the Brazilian group of researchers until they achieve a consensus. Conclusions: The authors’ impression is that the EACA-M not only makes it easy to establish all scores, it also covers the broad spectrum of presentation of a maniac syndrome. With this article, the Portuguese-language scientific community will have a major instrument to evaluate a maniac state.
Resumen Objetivos: En el siguiente artículo se presenta el desarrollo de la versión en portugués de la “Clinician- Administered Rating Scale for Mania” (CARS-M) de Altman y sus colaboradores titulada: “Escala Administrada por el Clínico para la Evaluación de Manía” (EACA-M), o “Escala de Altman”. Los objetivos de este artículo son: 1) describir la metodología de elaboración de la versión en portugués de la CARS-M. 2) transmitir las impresiones de los profesionales que la utilizaron. 3) disponibilizar la escala en su íntegra, en lengua portuguesa. Métodos: los métodos utilizados son: a) panel bilingüe de traducción y discusión de todos los ítems; b) retro traducción por una persona habilitada; c) envío, al propio autor de la escala, de la nueva versión en inglés, originada a partir de su traducción al portugués y d) discusión con el autor, sobre los puntos pendientes, así como una nueva discusión entre los participantes del grupo de investigadores brasileños, hasta llegar a un consenso. Conclusiones: la impresión de los autores, es de que la EACA-M, permite no sólo la fácil puntuación de todos los escores, así como también cubre, el largo espectro de presentación de un síndrome maníaco. Con este artículo, la comunidad científica de lengua portuguesa, pasa a disponer de un importante instrumento para la evaluación del estado maníaco.
Contido em Revista de psiquiatria do Rio Grande do Sul. Porto Alegre. Vol. 25, n. 3 (set/dez. 2003), p. 412-424
Assunto Escalas de graduação psiquiátrica
Tradução (processo)
Transtorno bipolar : Diagnóstico
[en] Bipolar disorders
[en] Rating scales
[es] Escalas de evaluación
[es] Manía
[es] Trastorno de humor bipolar
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/70141
Arquivos Descrição Formato
000405571.pdf (46.88Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.