Repositório Digital

A- A A+

Análise das finalizaçãoes e posse de bola em relação ao resultado do jogo de futebol

.

Análise das finalizaçãoes e posse de bola em relação ao resultado do jogo de futebol

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise das finalizaçãoes e posse de bola em relação ao resultado do jogo de futebol
Autor Perin, Daniel Elias Brunetto
Orientador Moraes, Jose Cicero
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Futebol
[en] Ball possession
[en] Match analysis
[en] Shots
[en] Soccer
Resumo Este estudo teve como objetivo identificar se as variáveis, finalização e posse de bola, explicam os resultados finais dos jogos no futebol. Verificamos, também, se há associações entre o número de finalizações realizadas pelas equipes e entre o percentual de posse de bola das equipes durante o jogo e o resultado final do jogo. Averiguamos, ainda, se existe diferença significativa entre o resultado final do jogo em relação à média de finalizações. Foram analisados 31 jogos oficiais da Eurocopa de 2012, realizada na Polônia e na Ucrânia. Nos procedimentos estatísticos, recorreu-se à análise descritiva, apresentando valores de média, percentagens relativas, desvios padrões e valores absolutos. Nas inferências adotamos o teste da análise da função discriminante e o método stepwise e ao teste de ANOVA tipo One-Way com tratamento Post-hoc o teste de Scheffé. O nível de significância foi mantido em 5%. Os resultados mostraram que na maioria dos jogos as equipes que finalizaram mais venceram (51,61%); em 45,16% dos jogos as equipes que finalizaram mais a gol venceram; em 48,38% dos jogos as equipes que obtiveram mais posse de bola venceram; e em 47,05% dos jogos em que uma equipe conseguiu ter mais posse de bola associada a um número maior de finalizações e finalizações a gol conquistou a vitória. O estudo revelou que há associação entre o resultado do jogo e as variáveis percentual de posse de bola e finalizações a gol; entre percentual de posse de bola com finalizações e com finalizações a gol; e entre finalizações e finalizações à gol. Não foram encontradas associações entre finalizações e o resultado do jogo. O estudo evidenciou que a equipe que realiza um número maior de finalizações a gol e possui um maior percentual de posse de bola durante a partida tem uma maior probabilidade de vencê-lo. Também apontou que as equipes que obtém o resultado de vitória apresentam uma média de chutes no gol maior que as equipes que são derrotadas. Todavia, não é possível afirmar o estabelecimento de uma associação única e direta entre estes fundamentos e o resultado do jogo em virtude da multivariedade de manifestações técnicas e táticas que compõem o cenário do jogo de futebol e que também exercem uma influência no seu resultado. Sugerem-se estudos que considerem uma amostra maior e que considerem outros fatores importantes tais como o local de execução da finalização, fator local do jogo, entre outros para que se possa associar definitivamente o resultado do jogo a estes fundamentos.
Abstract This present study aimed to identify the variables of total shots and shots at goal and ball possession, wich explain the outcomes of soccer matches. We have also checked whether there are associations between the number of shots made by the teams and between the percentage of ball possession of the teams during the match and the final match results. We also enquired if if there are significant differences between the final match results compared to the average of attempts We analyzed 31 official matches at Euro 2012, held in Poland and Ukraine. For statistical procedures, we used descriptive analysis, with average values, relative percentages, standart deviation and absolute values. For the inferential analysis we adopted the Descriptives Analysis and the Stepwise Method and ANOVA Teste with One-Way Post-hoc Scheffé test. The significance level was maintained at 5%. The results showed us that in most matches the teams which had won, they had finalized more (51.61%), 45.16% of the matches the teams which made more shots at goal won the match, in 48.38% of the matches the teams that had more ball possession won, and in 47.05% of the matches won the team which had more ball possession associated with a greater number of total shots and shots at goal clinched to victory. The study found association between the score and the variable percentage of ball possession and shots at goal; between percentage of ball possession and total shots and shots at goal; between total shots and shots at goal. No associations were found between total shots and the outcome of the game. The study revealed that the team that performed a larger number of shots at goal and has a higher percentage of ball possession during the match is most likely to win the match. They also revealed that teams that get the results show an average victory of shots at goal that most teams are defeated. However, we cannot affirm that exist a direct association, between these variables and the final match result because of the multivariate manifestations of techniques and tactics which composes the match scenery and they also exert an influence on the result. We suggest that the next studies should consider a larger sample of matches and consider other important factors such as the place of shots execution, where the match took place, and other aspects so that we can definitely associate the final match results with these fundamentals.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70307
Arquivos Descrição Formato
000875648.pdf (620.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.