Repositório Digital

A- A A+

Uma vida boa é uma vida sem dor : percepções das participantes do Grupo Regular de Exercícios Posturais de uma Unidade Básica de Saúde de Porto Alegre

.

Uma vida boa é uma vida sem dor : percepções das participantes do Grupo Regular de Exercícios Posturais de uma Unidade Básica de Saúde de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Uma vida boa é uma vida sem dor : percepções das participantes do Grupo Regular de Exercícios Posturais de uma Unidade Básica de Saúde de Porto Alegre
Autor Giuliano, Anita Falk
Orientador Vieira, Adriane
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Escola postural
Postura
Resumo As dores musculoesqueléticas crônicas afetam milhões de pessoas em todo mundo, interferindo negativamente na qualidade de vida. Programas de promoção a saúde devem ser desenvolvidos na atenção básica por serem reconhecidos como uma importante estratégia a ser utilizada para recuperar a saúde e promover a qualidade de vida. O Grupo Regular de Exercícios Posturais (GREP) é um projeto de extensão da ESEF- UFRGS que ocorre em uma Unidade Básica de Saúde de Porto Alegre, como uma estratégia de promoção à saúde, destinado a mulheres que apresentam dores musculoesqueléticas crônicas. O objetivo do estudo foi conhecer e analisar as percepções das participantes do GREP sobre as atividades desenvolvidas nos encontros, como também as repercussões dessas atividades nos seus cotidianos. Para coleta das informações, foram realizados três Grupos Focais durante o período de 2011 a 2012, contando com a participação de 17 mulheres. Os resultados demonstram que o GREP repercutiu positivamente na melhora da qualidade de vida, na redução das dores musculoesqueléticas crônicas, na redução do uso de medicamentos, na melhora da capacidade funcional e na melhora dos aspectos emocionais e psicológicos. Conclui-se que as atividades desenvolvidas no GREP proporcionaram benefícios e repercutiram positivamente no cotidiano das participantes.
Abstract The chronic musculoskeletal pain affects millions of people worldwide, leading to negative impact in quality of life. Health education programs must be developed in primary care as an important strategy aiming to restore health and promote quality of life. The Grupo Regular de Exercícios Posturais (GREP) is an extended project of ESEF-UFRGS which has been implemented in Basic Unit Health of the Porto Alegre, as a strategy for education and health promotion, specifically designed for women with chronic musculoskeletal pain. The goal was to study and analyze the perceptions of the GREP’s participants regarding activities at the meetings, as well as the impact of these activities in their daily lives. For data collection, there were three focus groups during the period from 2011 to 2012, with the total participation of 17 women. The collected results clearly demonstrate that the GREP positively affected several parameters in the studied group, such as: improvement in quality of life, reduction in chronic musculoskeletal pain, less drug use, in improving functional capacity, as much as emotional and psychological aspects. We conclude that the activities implemented by GERP provided additional benefits on patients group and reflected positively on the daily lives of participants.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70316
Arquivos Descrição Formato
000875709.pdf (353.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.