Repositório Digital

A- A A+

Tecnologias digitais e a mudança de paradigma na educação : a aprendizagem ativa dos educadores como favorecedora de diferenciação e sustentação da mudança

.

Tecnologias digitais e a mudança de paradigma na educação : a aprendizagem ativa dos educadores como favorecedora de diferenciação e sustentação da mudança

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tecnologias digitais e a mudança de paradigma na educação : a aprendizagem ativa dos educadores como favorecedora de diferenciação e sustentação da mudança
Autor Voelcker, Marta Dieterich
Orientador Fagundes, Léa da Cruz
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos Interdisciplinares em Novas Tecnologias da Educação. Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação.
Assunto Métodos de ensino
Paradigma
Tecnologia educacional
[en] Rubrics
[en] “21st century skills”
[en] “Active learning methods”
[en] “Change on education paradigm”
Resumo Esta tese apresenta movimentos e teorias que demandam a mudança de paradigma na educação básica. A adoção de métodos ativos de aprendizagem com uso de tecnologia digital é defendida como oportunidade para concretização da inovação desejada. O problema é definido com a identificação de barreiras para concretização da mudança em escala. A intenção de diferenciar a educação esbarra em limitações na formação e vivência de educadores em relação ao paradigma desejado e ao uso da tecnologia digital. Uma pesquisa ação participante foi conduzida em um centro social, com organização semelhante a uma escola, com objetivo de envolver educadores e gestores locais na construção de instrumentos e na melhoria de práticas educacionais a partir do uso de tecnologias digitais com métodos ativos de aprendizagem. A estratégia proposta foi estruturada sobre quatro elementos que fundamentaram intervenções para mudanças de práticas educacionais: Referencial de Habilidades do Século XXI como possíveis objetivos; aprendizagem por atividades; Rede Social com biblioteca individual no papel de ambiente virtual de aprendizagem; a construção de rubricas por parte dos educadores para detalhar, valorizar e monitorar novas dimensões de avaliação. A partir de uma análise situacional foram propostos ciclos de mudanças de práticas, onde atores locais se envolveram com o planejamento, implementação e análise de mudanças viabilizadas pelo uso de tecnologias digitais e alinhadas com os objetivos priorizados pela equipe local. Estes ciclos incluíram a construção de instrumentos destinados a facilitar e sistematizar as estratégias propostas. Os resultados mostram que as atividades planejadas e desenvolvidas pelos educadores evoluíram ao longo dos ciclos aproximando-se do paradigma desejado. A análise do uso da rede social aponta para o crescimento da autoria e expressão dos alunos, mas não apresenta evidências de interações que promovam a reflexão dos aprendizes autores. As rubricas mostraram-se valiosas para aprendizagem ativa dos educadores, porém apresentaram certa incompatibilidade com práticas construtivistas alinhadas com o paradigma desejado. A estratégia foi eficiente em provocar o desequilíbrio dos educadores e iniciá-los em práticas, reflexões e aprendizagem ativa sobre o paradigma desejado, porém várias limitações são apontadas para o uso da estratégia em grande escala. O desenvolvimento de sistemas digitais específicos para o apoio à mudança desejada é discutido e sugerido para estudos futuros.
Abstract This thesis presents moves and theories that ask for change of paradigm on basic education. The adoption of active learning methods with the use of digital technology is thought as an opportunity for the consolidation of the desired innovation. The identification of barriers to consolidate the change in large scale is presented as the research problem. The intention to differentiate education faces a barrier on educators limited education and experience on the desired paradigm as well as on the use of digital technology. An action participatory research was conducted on a social center, structured similar to a regular school, having as goal the engagement of local educators and coordinators on the design of instruments and on the improvement of educational practices enabled by the use of digital technologies with active learning methods. The strategy proposed was based on four elements that influenced the interventions for the change on educational practices: Framework on 21st Century Skills as possible goals; learning by activities; a social network with personal library on the role of digital learning environment; educators building rubrics to design, give value and monitor new dimensions for evaluation. Based on a situational analysis, cycles of change on practices were proposed on a way that local subjects got involved with planning, implementation and analysis of changes enabled by the use of digital technology and aligned with the goals selected by the local educational team. These cycles included the creation of instruments designed to facilitate and systematize the proposed strategies. The results show that the activities designed and implemented by the educators have evolved through the research cycles becoming better aligned with the desired paradigm. The strategy has proved to be efficient to unbalance the educators and start them in practices, reflections and active learning related to the desired paradigm, but in the other hand, some limitations were pointed out when considering the adoption of this strategy in a systemic way. The development of digital systems designed specifically to support the desired change is discussed and suggested for future studies.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/70613
Arquivos Descrição Formato
000878301.pdf (2.298Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.