Repositório Digital

A- A A+

Reencontrando Dioniso : mito, transbordamento e renovação em The Erpingham Camp, de Joe Orton

.

Reencontrando Dioniso : mito, transbordamento e renovação em The Erpingham Camp, de Joe Orton

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reencontrando Dioniso : mito, transbordamento e renovação em The Erpingham Camp, de Joe Orton
Autor Pereira, Elaine
Orientador Maggio, Sandra Sirangelo
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Curso de Letras: Licenciatura.
Assunto Dionísio (divindade grega)
Drama
Literatura inglesa
Orton, Joe, 1933-1967
[en] English drama
[en] Myth of Dionysus
[en] The erpingham camp
Resumo Esta leitura do texto The Erpingham Camp (1965), do dramaturgo inglês Joe Orton, entretece o imaginário da Inglaterra dos anos 60 com o da Grécia de Eurípedes, com cuja obra As Bacantes encontro pontos de diálogo. Na peça, a ofensa do funcionário Riley a uma gestante e o abuso de poder do proprietário do Acampamento de Férias Erpingham desencadeiam uma revolta entre os acampados. Este microcosmo de Orton reflete um cenário de movimentos e transformações sociais e culturais que ocorreram na vida cotidiana inglesa da década de 60 e que levaram a um transbordamento dionisíaco de elementos que há muito estavam sendo reprimidos. Aproximando essa discussão das interpretações do mito dionisíaco através de método proposto por Michel Maffesoli, o trabalho se propõe a compreender de que forma se dá a interação entre o uso do mitológico e a crítica social às instituições, na forma como vem apresentada por Orton.
Abstract This reading of the play The Erpingham Camp (1966), by the English playwright Joe Orton, interweaves the English imagination of the 60s with the Greece of Euripides in the play The Bacchae. In Orton’s play, the offense perpetrated by Riley, the entertainer, upon a pregnant woman, added to the abuse of power on the part of the owner of the holiday camp, Erpingham, triggers a revolt among the campers. In this microcosm, Orton projects the scenario of social movements and cultural changes that took place in English life, in the 60’s, when a long period of social repression led to a consequential Dionysian outpour of tensions that had been long bottled-up. The discussion is approached through a methodology proposed by theoretician Michel Maffesoli, and seeks to identify the meaning of this outburst of Dionysian forces in Orton’s play and in the English context of his time.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/70637
Arquivos Descrição Formato
000877794.pdf (1.558Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.