Repositório Digital

A- A A+

Educação pública e opção pelo software livre nas escolas estaduais de Porto Alegre : um estudo sobre concepções de professores

.

Educação pública e opção pelo software livre nas escolas estaduais de Porto Alegre : um estudo sobre concepções de professores

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Educação pública e opção pelo software livre nas escolas estaduais de Porto Alegre : um estudo sobre concepções de professores
Autor Zílio, Cátia
Orientador Machado, Carmen Lúcia Bezerra
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Ensino público
Formação
Professor
Software livre
Tecnologia digital
[en] Digital technologies
[en] Free software
[en] Public education
[en] Teachers formation
Resumo A analogia entre receitas e softwares proposta por Stallman (2001) orienta esta dissertação que problematiza e visa a analisar as relações entre as concepções de educação de professores da Rede Pública Estadual de Porto Alegre e a opção pelo Software Livre, ou proprietários nas práticas pedagógicas. Embasada nos conceitos de Educação (Gramsci, 1989), opção autêntica (Freire, 1697) e tecnologia (Álvaro Viera Pinto, 2005), são analisados os dados obtidos por meio de questionário online enviado às 243 escolas da 1ª Coordenadoria Regional de Educação; e, de entrevistas semiestruturadas realizadas com seis professores que atuam em quatro dessas escolas e na Coordenação Pedagógica da Secretaria Estadual de Educação. Análise quantitativa e qualitativa articula o mapeamento das Tecnologias da Informação e Comunicação nas escolas e os relatos dos professores. Permite visualizar o contexto da pesquisa, no qual a utilização de Software Livre constitui uma imposição das políticas públicas. Ainda que os professores o considerem mais coerente com a concepção de Educação Pública, continuam a utilizar softwares proprietários. O estudo aponta a necessidade fundamental de aprofundar a discussão dos Projetos Político-Pedagógicos das escolas, promover a articulação com as práticas pedagógicas de professores para a construção de uma opção autêntica pelo Software Livre, baseada nos princípios de liberdade e colaboração.
Abstract The analogy between receipts and software proposed by Stallman (2001) orients this dissertation that problematizes and analise the relationship between conceptions of education of teachers from the State Public Network of Porto Alegre and the option for Free Software in pedagogical practices. Grounded in the concepts of education, authentic option and technology, proposed by Gramsci (1989), Freire (1697) and Alvaro Vieira Pinto (2005) are analyzed the data collected through online questionnaire sent to 243 schools of the 1st Regional Coordination of Education and semi-structured interviews conducted with six teachers who work in four of these schools and in Pedagogical Coordination of the State Department of Education. The articulation between the mapping of Information Technology and Communication in schools and teachers' reports allows to view the research context, where the use of Free Software is an imposition of public policy. Even if teachers consider more coherent with the conception of Public Education. The study shows the to deepen the discussion of political-pedagogical projects in schools, to promote articulation with the teaching practices of teachers for the construction of a genuine option for Free Software, based on principles of freedom and collaboration.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/71276
Arquivos Descrição Formato
000879209.pdf (3.430Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.