Repositório Digital

A- A A+

Programa Estruturante Emancipar – RS no município de Três Passos – RS

.

Programa Estruturante Emancipar – RS no município de Três Passos – RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Programa Estruturante Emancipar – RS no município de Três Passos – RS
Autor Reis, Magali Cristina
Orientador Menda, Cynthia Castiel
Data 2012
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão Municipal UAB.
Assunto Emancipação social
Gestão municipal
Habitacao popular
Políticas públicas
Resumo No presente trabalho, fez-se um relatório de intervenção do Programa Estruturante Emancipar – RS e contou com a presença, do início ao fim do programa, da Assistente Social do município em foco. A intervenção teve como objeto de estudo, avaliar o impacto do Programa Estruturante Emancipar – RS, no Bairro Frei Olimpio, Município de Três Passos, no Estado do Rio Grande do Sul, em relação às políticas públicas direcionadas a programas sociais e transferência de renda. A pesquisa do referido estudo teve enfoque quantitativo, sendo que os resultados apontam que muitas das famílias, mesmo tendo participado das ações desenvolvidas pelo Programa Estruturante Emancipar – RS, continuam, de alguma forma, na dependência de políticas sociais e de renda. Constatou-se que a falta de moradia é uma das formas como a exclusão social se revela, reflexo das condições de saúde, de segurança, de lazer, de educação, de trabalho e renda. Portanto, a política habitacional deve fazer parte de um conjunto de ações que contribuem para atender às necessidades fundamentais das famílias, garantindo o acesso aos serviços básicos e de direito. Este estudo indica que a transformação social é possível mediante a implantação de políticas publicas intersetoriais, inter e multidisciplinares, gestores e técnicos sensibilizados e capazes de interagir com o contexto das famílias em situação de vulnerabilidade social. As dificuldades manifestadas pelas famílias em aderir ao programa de ações com o propósito de alcançar a cidadania, por meio do trabalho, emprego, saúde e renda demonstra um comportamento social, historicamente, centrado em ações sociais baseadas no atendimento das necessidades imediatas. As famílias, não escolhem morar em áreas de risco, assim como não se tornam, socialmente, vulneráveis por desejo, mas por não poder lançar mão de alternativa melhor de habitação. Para que consigam sair da situação de exclusão é necessário investir em políticas públicas capazes de garantir, em todo o processo, a co-responsabilidade entre autores sociais, a intersetorialidade, a inter e multidisciplinaridade como forma de consagrar uma cidadania capaz de proporcionar a emancipação.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/71745
Arquivos Descrição Formato
000873672.pdf (2.181Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.