Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento da leitura e da escrita : desafios e possibilidades nos anos iniciais

.

Desenvolvimento da leitura e da escrita : desafios e possibilidades nos anos iniciais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento da leitura e da escrita : desafios e possibilidades nos anos iniciais
Autor Azevedo, Márcia Fabiane Menezes de
Orientador Genro, Maria Elly Herz
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pedagogia: Ensino a Distância: Licenciatura.
Assunto Desenvolvimento
Escrita
Leitura
Resumo Este trabalho, de caráter monográfico, é requisito para a conclusão do curso de Curso de Graduação em Pedagogia – Licenciatura /Modalidade a Distância. na Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul / UFRGS. Apresenta como foco de investigação: Desenvolvimento da leitura e da escrita desafios e possibilidades nos Anos Iniciais, que teve sua motivação inicial nas dificuldades percebidas na escrita e leitura dos alunos, durante o estágio realizado numa turma de quarta série da rede municipal do município de Nova Hartz. Este estudo tem como objetivo compreender como ocorre o processo de desenvolvimento da aprendizagem, principalmente da leitura e da escrita, a partir dos referenciais teóricos que nos ajudem a compreender como ocorre o processo de ensinoaprendizagem, iluminar a experiência relatada ou os supostos desafios e a partir destas reflexões nos foi apresentado algumas possibilidades. A construção da leitura e escrita é algo bastante complexo, mas fundamental para que possamos intervir e contribuir para que os alunos tenham um bom desenvolvimento deste processo. Ao refletir sobre algumas práticas educativas numa tentativa de contribuir com todos os agentes da educação, em especial aos pais e professores estão diante destas possibilidades. Para iniciar o estudo apresentei algumas considerações sobre a teoria da aprendizagem: Aspectos Teóricos e Metodológicos que vão possibilitar a compreensão das fases de desenvolvimento, segundo Piaget, nos dando contribuições valiosas acerca do desenvolvimento do processo de aprendizagem. Entendendo melhor os estágios de desenvolvimento, o professor se torna mais hábil para oportunizar atividades e intervir no processo de construção do conhecimento de maneira mais adequada e por isso, o professor necessita estudar constantemente. Partindo de um pressuposto construtivista, abordei a leitura e escrita nos anos iniciais: processo de construção, refletindo sobre a necessidade algumas práticas de leitura e escrita, alguns recursos não convencionais, como o uso da informática e suas ferramentas para promover o desenvolvimento destas habilidades e despertar no aluno o prazer de desenvolvê-las, no contexto escolar e familiar. Partindo do pressuposto de que os conhecimentos elaborados a partir da interação da criança com o material escrito e da interação com leitores, antes da escolarização da criança, precisamos criar um vínculo maior com as famílias, para que participem, despertem para a importância deste processo na vida dos filhos e assim ajudem a melhorar a qualidade da educação. É importante, salientar também, que nós professores trabalhamos numa perspectiva de que o nosso aluno goste de praticar a escrita e a leitura, dentro e fora do ambiente escolar e penso ser nesta perspectiva que elaboramos os planejamentos de projetos, optamos por alguns recursos convencionais ou mais inovadores, modernos como é o caso do uso das tecnologias, da informática. Nesta perspectiva, Teberoski e Colomer trazem contribuições as quais abordarei neste trabalho. Segundo Teberoski e Colomer o uso da informática, ainda não está acessível à todas as escolas e famílias, no entanto, sabemos da importância desta máquina de leitura e escrita para promover o desenvolvimento deste processo. Todavia, as práticas de leitura e escrita junto ao computador nos afastam das mesmas atividades realizadas em salas de aula convencionais, que ainda utilizam apenas suportes de papel. É claro que quem ousar romper com estas práticas bem convencionais, corre o risco de ser duramente criticado, mas com certeza, deve ter segurança e tentar convencer os colegas da importância e dos benefícios de utilizarmos estes recursos também. É necessário, recuperar no aluno a capacidade de ler, produzir textos como uma proposta de escrita significativa, que evidencie a autoria do aluno, a expressão de seus sentimentos, ideias e angústias frente ao mundo com o qual necessita estar preparado para conviver. Felizmente estamos diante desta possibilidade, cabe a nos professores aproveitarmos ou não, precisamos fazer uma escolha e esta escolha que nos fara deixar marcas pedagógicas positivas ou negativas na vida dos alunos com quem trabalhamos. A aquisição da leitura é um processo difícil, mas no momento em que o aluno desenvolve esta competência ele passa a ser autoconfiante, ter autonomia não apenas na escola mas nos vários aspectos de sua vida, pois passa a compreender melhor tudo o que está acontecendo a sua volta, enfim, torna-se uma pessoa independente. Quero ressaltar que é esta esperança que irá promover mudanças nos conceitos e práticas educativas. Sabemos que os alunos convivem coma leitura e escrita fora da escola, com maior ou menor intensidade, de alguma maneira sabem de sua importância para a sua vida na sociedade, sabem que possuem alguns conhecimentos sobre ela, mas também sabem que desconhecem muitos de seus segredos. Esperam que na escola a professora os ensine a fazer uso da leitura e da escrita que na verdade já usam no cotidiano, na vida. É na esperança de trazer ainda mais a vida dos alunos para o contexto escolar que eu encerro esta etapa deste trabalho, pois as reflexões e aprendizagens continuam na nossa caminhada.
Abstract This work, monographic character, is a requirement for graduation from Undergraduate Education - Degree / Distance mode. the Faculty of Education, Federal University of Rio Grande do Sul / UFRGS. Presents as a focus of research: Development of reading and writing challenges and opportunities in the first years, who had his initial motivation in perceived difficulties in students' reading and writing during the training held in a classroom of fourth graders in the municipal council of the New Hartz. This study aims to understand as the process of development of learning, especially reading and writing, from the theoretical frameworks that help us understand as the process of teaching-learning process, illuminate the experience reported or suspected and challenges From these discussions we were presented a few possibilities. The construction of the reading and writing is quite complex, but essential for us to intervene and help students to have a good development of this process. In reflecting on some educational practices in an attempt to contribute to all employees of education, especially parents and teachers are facing these possibilities. To start the study presented some considerations about the theory of learning: theoretical and methodological aspects that will enable the understanding of developmental stages, Piaget, giving us valuable input about the development of the learning process. Better understand the stages of development, the teacher becomes more able to create opportunities and activities involved in the process of constructing knowledge in a more adequate and therefore, teachers need to constantly study. From a constructivist assumption, I approached the reading and writing in the early years: the construction process, reflecting on the need some practice reading and writing, some unconventional resources, such as the use of information and tools to promote the development of these skills and instigate the students are pleased to develop them in school and family context. Assuming that the knowledge developed from the child's interaction with written material and interaction with readers, before the child's schooling, we need to create a greater bond with their families, to participate, to awaken to the importance of this process in lives of children and thus help improve the quality of education. It is important to stress also that we teachers work from a perspective of what our students like to practice writing and reading, both inside and outside of school and I think it is this perspective that we developed the project plans, we opted for some more conventional resources, or innovative, modern, such as the use of technology and information technology. From this perspective, Colomer Teberoski and make contributions which discuss this work. According Teberoski Colomer and the use of computers is not yet accessible to all schools and families, however, know the importance of reading and writing machine to promote the development of this process. However, practices of reading and writing at the computer away in the same activities performed in conventional classrooms, they still use only paper holders. Of course, those who dare to break with these practices and conventional, is at risk of being severely criticized, but surely, must have security and trying to convince colleagues of the importance and benefits of using these resources as well. It is necessary to recover the student's ability to read texts as producing a substantial written proposal, which highlights the student's authorship, the expression of their feelings, ideas and anxieties facing the world with which we should be prepared to live with. Fortunately, we are faced with this possibility, it is up to the teachers take advantage or not, we must make a choice and this choice will make us leave marks on the positive or negative educational lives of students with whom we work. The acquisition of reading is a difficult process, but at the time the student develops the competence it becomes self-confident, have autonomy not only in school but in various aspects of your life, for it is better to understand everything that is happening around you, finally, becomes an independent person. I want to emphasize is that this hope will promote changes in concepts and educational practices. We know that students eat live reading and writing outside school, with greater or lesser degree, somehow they know its importance to their life in society, know they have some knowledge about it, but know also know that many of their secrets . They expect the teacher at school teaches them to use reading and writing that actually already use in everyday life, in life. It is hoping to bring even more students' lives to the school context that I close this phase of this study because the reflections and lessons continue on our jour.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/71978
Arquivos Descrição Formato
000880544.pdf (228.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.