Repositório Digital

A- A A+

Controles internos dentro de uma Unidade Gestora do Exército Brasileiro - CPOR/PA

.

Controles internos dentro de uma Unidade Gestora do Exército Brasileiro - CPOR/PA

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Controles internos dentro de uma Unidade Gestora do Exército Brasileiro - CPOR/PA
Autor Lopes, Leonardo Gabe
Orientador Lagemann, Eugenio
Data 2011
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Administração Pública Contemporânea.
Assunto Controle interno
Exército brasileiro
Gestão pública
[en] Brazilian army
[en] CPOR/PA
[en] Internal control
[en] Unit manager
Resumo A administração pública tem o seu controle interno efetuado para garantir os princípios constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. Atende-se aos princípios basilares da administração, que são: da organização, planejamento, comando e controle. Assim, o controle é efetuado em todos os atos, tanto na despesa, como na receita. Os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, dentro do governo federal, são os responsáveis pelo controle interno, de forma integrada. Este tema está sempre presente no cenário que se instaura, fazendo as instituições adotarem medidas cada vez mais rígidas, para a sua execução, avaliação, fiscalização e a utilização do bem público. Esta pesquisa mostrará os controles internos dentro de uma unidade gestora do Exército Brasileiro. O controle das atividades administrativas cabe a todos os agentes públicos, servindo à transparência da gestão pública, um instrumento democrático. No caso abordado, mostra-se a organização, funções e aspectos relacionados à Força Terrestre, com as suas particularidades, uma instituição permanente que tem um alto valor de credibilidade dentro da sociedade brasileira. Combate às fraudes, erros, ineficiências, desperdícios e o não aproveitamento do recurso de sua forma plena e mais econômica serão os assuntos abordados ao longo do trabalho.
Abstract The Public Administration has been doing its internal control to ensure the precepts of constitutional legality, impersonality, morality, publicity and efficiency. Meets to the basic principles of the Administration, which are: the organization, planning, command and control. Thus, the control is done in all actions, both in spending, as in the recipe. The Executive, Legislative and Judiciary, within the Federal Government, are responsible for internal control, in an integrated manner. This theme is always present scenario in which there is, making the institutions adopt increasingly strict measures for its implementation, evaluation, supervision and use of public good for the economy of scarce resources that manage. This research shows the internal controls within a unit manager of the Brazilian Army. The control of administrative activities it is for all public officials, and the transparency of Public Management, with a democratic instrument. In this case, will show the organization, functions and aspects of Ground Force, with their peculiarities. A permanent institution that has a high value of credibility within Brazilian society. Fighting to fraud, errors, inefficiencies, waste and not exploit the full use of its form and most cost will be the topics discussed during the work.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/72037
Arquivos Descrição Formato
000881349.pdf (778.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.