Repositório Digital

A- A A+

As dinâmicas e as desigualdades regionais de desenvolvimento no estado do Maranhão

.

As dinâmicas e as desigualdades regionais de desenvolvimento no estado do Maranhão

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As dinâmicas e as desigualdades regionais de desenvolvimento no estado do Maranhão
Autor Ottati, Ana Maria Aquino dos Anjos
Orientador Waquil, Paulo Dabdab
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural.
Assunto Crescimento econômico
Desenvolvimento regional
Desigualdade social
Economia regional
Índice de desenvolvimento humano
Maranhão
Políticas públicas
[en] Economical growth
[en] Regional development
[en] Regional inequality
Resumo Esta tese teve como tema o estudo das dinâmicas e das desigualdades regionais geradas pelo processo de desenvolvimento implantado no Estado do Maranhão entre as décadas de 1970 e 1980, o qual priorizou os grandes projetos de desenvolvimento, entre estes, Vale, Alumar, produção de soja e pecuária bovina. A problemática de pesquisa proposta por esta tese buscou responder às seguintes perguntas: quais as dinâmicas de desenvolvimento encontradas entre os municípios maranhenses? As desigualdades nos índices de desenvolvimento entre os municípios maranhenses poderiam ser explicadas pela política de desenvolvimento regional que priorizou a implantação de grandes projetos adotados no Estado? O objetivo geral da pesquisa consistiu em conhecer e caracterizar as dinâmicas e as desigualdades nos índices de desenvolvimento existentes entre os municípios maranhenses, tendo como base uma perspectiva multidimensional, e fazer a relação das dinâmicas e desigualdades com os projetos de desenvolvimento implantados no Estado a partir da década de 1970 na área metalúrgica, siderúrgica e agropecuária. Este estudo considerou os dados secundários de 28 variáveis agrupadas em cinco dimensões. Os métodos estatísticos utilizados foram a análise descritiva; a estatística multivariada da análise de agrupamento visando a agregação dos 217 municípios em cinco grupos de acordo com suas semelhanças; o teste z para testar as diferenças significativas entre as médias do Índice de Desenvolvimento Municipal (IDM) entre os municípios onde foram instalados os projetos analisados e os municípios que não os receberam; a análise de variância, utilizada para testar se havia ou não diferenças significativas entre as médias dos cinco grupos formados a partir da análise de agrupamento; e o teste de Tukey, a fim de testar as médias dos grupos entre si. Diante dos resultados, pode-se concluir que as desigualdades entre os municípios maranhenses permaneceram, porém foram reduzidas entre os anos de 1980 e 2010, pois se verificou uma tendência de crescimento do IDM em todos os anos analisados, assim como uma melhora em todas as dimensões avaliadas. Entretanto, ainda há nos municípios, em diferentes níveis, deficiências em todas as variáveis analisadas. Quanto aos projetos implantados, confirmou-se que estes geraram crescimento econômico a alguns municípios e que eles não foram capazes de proporcionar desenvolvimento, aqui visto sob a forma de melhoria da qualidade de vida da população.
Abstract The aim of the present thesis was to study the dynamics of regional inequalities generated by the development process implemented in the State of Maranhão-Brazil in the 1970’s and 1980’s which prioritized great development projects such as Vale, Alumar, soybean production, and cattle raising. The research sought to give answers to the following questions: what are the development dynamics found among the State municipalities? Could the inequality rates of development in the municipalities be explained by the regional development that prioritized the major projects adopted in the State? The general aim of the study consisted in understanding and characterizing the dynamics and inequalities on the development rates in the State municipalities, based on a multidimensional outlook, pointing out the dynamics and inequalities relationship with the development projects implemented in the State started in the 1970’s in the metallurgy, steel milling, and cattle raising. The study took into account the secondary data of 28 variables grouped in five dimensions. The used statistical methods were descriptive analysis; the multivariate statistics of grouping analysis aiming the aggregation of the 217 municipalities within five groups according to similarities; the z test to assess significant differences among the Municipal Development Rate (MDR) averages in the municipalities where the projects were installed and the municipalities which were not contemplated with the analyzed projects; the variance analysis, used to assess whether or not there was significant difference among averages of the five groups formed from the grouping analysis and the Tukey test in order to evaluate the averages among the groups. The research concludes that the inequalities among the State municipalities remained, but decreased between 1980 and 2010 as there was an MDR increase in the analyzed years, as well as an improvement in all evaluated dynamics. Nevertheless, there are shortcomings in all analyzed variables with varying levels in the municipalities. As to the implemented projects, it was confirmed that they generated economical growth in some municipalities, but were unable to provide development, viewed here under the form of life quality improvement of the population.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/72257
Arquivos Descrição Formato
000883319.pdf (2.340Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.