Repositório Digital

A- A A+

Sobre o protagonismo de usuários : análise de uma campanha para adesão à higienização de mãos

.

Sobre o protagonismo de usuários : análise de uma campanha para adesão à higienização de mãos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sobre o protagonismo de usuários : análise de uma campanha para adesão à higienização de mãos
Autor Lovatto, Carem Gorniak
Orientador Oliveira, Dora Lúcia Leidens Corrêa de
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Controle de infecções
Educação em enfermagem
Higienização
[en] Health education
[en] Infection control
[en] Nursing education
[en] Transmission of infectious diseases from healthcare professionals to patients
[es] Control de Infecciones
[es] Educación en enfermería
[es] Educación en salud
[es] Transmisión de enfermedad infecciosa del profesional para el paciente
Resumo Esta pesquisa foi orientada por dois objetivos. O primeiro foi conhecer e analisar os sentidos atribuídos pelos usuários às mensagens dos cartazes da campanha “Empoderamento dos Pacientes”. O segundo objetivo foi analisar os fatores implicados na produção desses sentidos e sua influência na adesão dos usuários à esperada atitude vigilante frente ao profissional da saúde – no que tange à prática da higienização de mãos. O estudo, de cunho qualitativo, do tipo exploratório-descritivo, foi desenvolvido a partir de uma campanha intitulada “Empoderamento dos Pacientes”.. Essa campanha, intermediada por um cartaz fixado nas enfermarias do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, esperava uma atitude de protagonismo dos usuários para demandar dos profissionais a higienização de mãos. A coleta das informações foi realizada por meio de entrevistas, tendo como sujeitos os usuários de uma unidade de internação do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. A unidade escolhida foi a destinada à internação de portadores de doenças infecto-contagiosas, em sua maioria portadores de germes multirresistentes (GMR). A análise dos dados foi embasada no referencial teórico dos Estudos Culturais, articulando-se os conceitos de representação cultural e modos de endereçamento. Os resultados obtidos sugerem que a fixação do cartaz da campanha “Empoderamento dos Pacientes” na enfermaria não garante que ele será lido. Outro aspecto importante a destacar é a produção de diversas representações para a higienização de mãos, tanto como expressão quanto como ação. Por meio da análise de informações foi possível argumentar também que, no contexto estudado, os usuários portadores de GMR podem relativizar a importância da higienização de mãos em meio ao conjunto de ações de precaução de contato. A resposta do usuário à esperada atitude vigilante frente ao profissional da saúde é influenciada por diversos fatores, dentre os quais as representações da higienização de mãos, as representações dos profissionais da saúde e das relações entre esses profissionais e os usuários.
Abstract This research was driven by two main goals. The first was to find and analyze the meanings understood by users from the messages included in the “Empoderamento dos Pacientes” (Patient Empowerment) campaign posters. The second goal was to analyze the factors involved in the production of those meanings and their influence in engaging users to employ the desired vigilant attitude towards healthcare professionals to sanitize their hands. The research, of a qualitative as well as explanatory-descriptive nature, was developed based on an awareness campaign entitled “Empoderamento dos Pacientes” (Empowering Patients), which through a poster hung in the infirmary encouraged users to take a proactive attitude and demand healthcare professionals to sanitize their hands. Data was collected by means of interviews with users of one of Hospital de Clínicas de Porto Alegre's wards dedicated to the care of patients with contagious infectious diseases, most of them involving multi-resistant germs. Data analysis was based on the Cultural Studies theoretical framework, applying the concepts of cultural representation and ways of address. The results obtained suggest that the fact the "Empoderamento dos Pacientes" campaign poster was on display would not guarantee that people would actually read it. Another aspect worth mentioning is the production of different representations for the term "sanitize hands" as expression and action. After analyzing the data collected, we were able to also argue that, in the context investigated, users infected with multi-resistant germs might relativize the importance of sanitizing hands in the midst of the set of actions applied to prevention. The user response and vigilant attitude expected towards healthcare professionals were influenced by a number of factors, which include different representations of sanitizing hands, healthcare professionals and the relations between these professionals and the users.
Resumen Esta encuesta fue orientada por dos objetivos. El primer objetivo fue conocer y analizar los sentidos producidos por los usuarios a los mensajes de los carteles de la campaña “Empoderamiento de los Pacientes”. El segundo objetivo fue analizar los factores implicados en la producción de estos sentidos y su influencia en la adhesión de los usuarios a la esperada de actitud vigilante frente al profesional de la salud, en lo que se refiere a la práctica de la higienización de manos. El estudio, de cuño cualitativo, del tipo exploratoriodescriptivo , fue desarrollados a partir de una campaña titulada “Empoderamiento de los Pacientes” que, intermediada por un cartel fijado en la enfermería, esperaba una actitud de protagonismo de los usuarios para demandar de los profesionales la higienización de manos. La recolección de las informaciones se dio por medio de entrevistas, teniendo como sujetos, los usuarios de una unidad de internación del Hospital de Clínicas de Porto Alegre destinada a la internación de portadores de enfermedades infectocontagiosas, en su mayoría, portadores de gérmenes multirresistentes. El análisis de los datos se embasó en el referencial teórico de los Estudos Culturales, articulando los conceptos de representación cultural y modos de derivación. Los resultados obtenidos sugieren que la fijación del cartel de la campaña “Empoderamiento de los Pacientes” en la enfermería, no garantiza su lectura. Otro aspecto importante por destacar es la producción de diversas representaciones para la higienización de manos, como expresión y acción. Por medio del análisis de informaciones fue posible argumentar también que en el contexto estudiado, los usuarios portadores de GMR pueden relativizar la importancia de la higienización de manos en medio al conjunto de acciones de precaución de contacto. La respuesta del usuario a la esperada actitud vigilante frente al profesional de la salud es influenciada por diversos factores, entre ellos, se puede destacar las representaciones de la higienización de manos, las representaciones de los profesionales de la salud y de las relaciones entre esos profesionales y los usuarios.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/72279
Arquivos Descrição Formato
000882890.pdf (2.432Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.