Repositório Digital

A- A A+

O papel do óxido nítrico na pressão anal esfincteriana de ratos submetidos à colite experimental

.

O papel do óxido nítrico na pressão anal esfincteriana de ratos submetidos à colite experimental

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O papel do óxido nítrico na pressão anal esfincteriana de ratos submetidos à colite experimental
Outro título The role of nitric oxide in sphincteric anal pressure of rats with experimental colitis
Autor Fillmann, Henrique Sarubbi
Kretzmann Filho, Nelson Alexandre
Llesuy, Susana Francisca
Fillmann, Lucio Sarubbi
Marroni, Norma Anair Possa
Resumo O óxido nítrico (NO) é um radical livre sintetizado endogenamente por várias células do nosso organismo. Apresenta um amplo espectro de ações fisiológicas, sendo as mais importantes o seu mecanismo de ação parácrino no relaxamento da musculatura lisa, sua atividade neurotransmissora em vários sistemas e seu envolvimento no processo inflamatório. O NO é sintetizado em diferentes tecidos através da conversão da L-arginina em L-citrulina pela ação da enzima óxido nítrico sintase (NOS) . Objetivos: Este estudo tem por objetivo demonstrar o envolvimento do óxido nítrico no processo intestinal inflamatório de ratos Wistar submetidos à colite experimental com ácido acético. Material e métodos: Foram utilizados 20 ratos machos Wistar, com peso entre 250 e 350 gramas divididos em dois grupos de 10 animais. Os animais do grupo em estudo foram submetidos à administração intracolônica, por enema, de uma solução de ácido acético diluído a 7% e com volume de 3 ml. O grupo controle recebeu apenas enema de solução salina. Foram avaliados os índices histológicos, a expressão da enzima óxido nítrico sintase (iNOS) e a pressão anal esfincteriana. Resultados: Os índices histológicos apresentaram uma significativa elevação no grupo colite quando comparados ao grupo controle, tanto na avaliação macroscópica quanto na microscópica. A expressão da enzima iNOS também foi significativa- mente maior no grupo colite quando comparada ao grupo controle. A pressão anal esfincteriana foi significativamente mais baixa no grupo colite na comparação ao grupo controle. Conclusão: Os animais submetidos à colite experimental apresentam um aumento da expressão da enzima óxido nítrico sintase induzível (i-NOS). Este aumento, associado ao conseqüente aumento do nível de óxido nítrico, ocasiona uma diminuição dos níveis de pressão anal esfincteriana.
Abstract The nitric oxide (NO) is a free radical synthesized from some cells of our organism. It presents with an ample specter of physiological actions being the most important its mechanism of action in the relaxation of the smooth musculature, its neurotransmissor activity in some systems and its involvement in the inflammatory process. The NO is synthesized in different tissues by the conversion of the L-arginine in L-citruline with the action of the enzyme nitric oxide sintase(NOS). Objectives: the aim of this study is to demonstrate the involvement of nitric oxide in the inflammatory intestinal process of Wistar rats submitted to experimental colitis with ascetic acid. Material and methods: 20 male Wistar rats had been used with weight between 250 and 350 g divided in two groups of 10 animals. The animals of the group in study had been submitted to intracolonic administration, by enema, of a solution with acid ascetic diluted to 7% - 3 ml. The control group received only enema with saline solution. The histological scores, the expression of the enzyme nitric oxide sintase (iNOS) and the sphincteric anal pressure had been evaluated. Results: The histological scores had presented a significant rise in the group colitis when compared with the control group in the macroscopic as well as in the microscopical evaluation. The expression of the enzyme iNOS was also significantly higher in the colitis group when compared to the control group. The sphincteric anal pressure was significantly lower in the group colitis when compared to control group. Conclusion: The animals submitted to the experimental colitis presented an increase of the iNOS expression. This increase, associated with the consequent increase in nitric oxide level, causes a reduction of the sphincteric anal pressure levels.
Contido em Revista Brasileira Coloproctologia. Rio de Janeiro. Vol. 26, n. 4 (2006), p. 436-442
Assunto Canal anal
Colite
Modelos animais de doenças
Óxido nítrico
Pressao
[en] Anal sphincter pressure
[en] Colitis
[en] Nitric oxide
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/72488
Arquivos Descrição Formato
000883963.pdf (309.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.