Repositório Digital

A- A A+

Controle social e sua interação com os cursos de residência em saúde

.

Controle social e sua interação com os cursos de residência em saúde

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Controle social e sua interação com os cursos de residência em saúde
Autor Albrecht, Gicelaine Jacobsen
Orientador Bavaresco, Caren Serra
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Especialização em Práticas Pedagógicas para Educação em Serviços de Saúde.
Assunto Controle social
Formação
Saúde
[en] Formation in health services
[en] Health council
[en] Popular participation
[en] Social control
Resumo O conselho de saúde é uma das formas de controle social e, na medida em que houver maior participação da população e dos profissionais de saúde envolvidos nestes espaços de construção do Sistema Único de Saúde poderá haver uma transformação na gestão de políticas públicas. O incentivo a maior participação dos profissionais de saúde principalmente dos residentes nestes espaços de controle social, tanto em espaços formais, quanto informais talvez seja a chave para a mudança em direção à qualificação profissional para o SUS. Esta pesquisa buscou analisar a interação entre controle social e as residências em saúde, mais especificamente as residências multiprofissionais. O objetivo desta visa verificar a atuação do controle social na formação de residentes em saúde e relacionar a existência ou inexistência desta interação com os currículos das residências multiprofissionais. Constitui-se em uma pesquisa qualitativa e será realizada a partir da análise de pesquisa documental, utilizando-se como base artigos sobre o tema publicados em BIREME (Centro Latino americano e do caribe de informação em Ciências de Saúde), Scielo (Scientific Eletronic Libraly Online), BVS (Biblioteca Virtual em Saúde), BDTD (Biblioteca Digital brasileira de Teses e Dissertações), livros referentes ao tema e a pesquisa em saúde, e plano político pedagógico de quatro residências em saúde do município de Porto Alegre. Considerando análise realizada, conclui-se que o fato de as instituições formadoras de residentes incluírem em seus projetos políticos pedagógicos o tema controle social não é garantia de que haja participação social efetiva, porém estes espaços de participação quando devidamente estimulados poderão facilitar o processo de reflexão a respeito das práticas de saúde, de compartilhamento de saberes, bem como de poderes; em direção à saúde pública que queremos.
Abstract The Health Council is one of social control forms and once it has a bigger participation from the population and health professionals involved in these spaces of the Unified Health System, a transformation on the management of public policies can happen. An incentive for a bigger participation from the health professionals, mainly from those residents on these formal or informal social control spaces, maybe it’s a key for a professional qualification focused on the Unified Health System. This research sought to analyze the interaction of social control and health residency, more specifically the multiprofessional residence in health. The objective of this research is to check the performance of social control in the healthcare resident training and relate this with the educational program of multiprofessional residences. It’s a qualitative research and will be conducted through the analysis of documentary research, using as base papers published in the BIREME (Latin American and Caribbean informational center on Health Sciences), Scielo (Scientific Eletronic Library Online), BVS (Online Library on Health), BDTD (Brazilian Digital Library of Theses and Dissertations), books and researches about the theme and the political pedagogical plan of four residences in health from Porto Alegre city. Considering the analysis accomplished, the conclusion is that the fact of health institutions incorporate on the residence pedagogical project the theme of social control, it doesn’t ensures effective social participation. However, if these participation spaces have more incentive, it could help in the reflection about health practices and knowledge sharing, leading to the public health we want to have.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/76063
Arquivos Descrição Formato
000892613.pdf (262.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.