Repositório Digital

A- A A+

Assistente social e preceptora : uma experiência em residência multiprofissional

.

Assistente social e preceptora : uma experiência em residência multiprofissional

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Assistente social e preceptora : uma experiência em residência multiprofissional
Autor Padilha, Denise Castro
Orientador Silva, Jeane Félix da
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Especialização em Práticas Pedagógicas para Educação em Serviços de Saúde.
Assunto Assistência social
Narrativa
Residência
[en] Area social assistance
[en] Preceptory
[en] Residence multiprofessional in health (RMH)
[en] Telling autobiography
Resumo O presente trabalho tem como objetivo discutir minha atuação como preceptora em um serviço social da preceptoria de núcleo de Saúde Mental Coletiva em São Lourenço do Sul, Rio Grande do Sul. Uma vez que o município recebeu, em 2012, o Programa de Residência Multiprofissional em Saúde (RMIS) com ênfase em Saúde Mental Coletiva, junto à parceria com a Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul (ESP/RS) e que, desde então, passei a integrar a equipe de preceptoria que acompanha as ações dos (as) residentes. O caminho metodológico realizado foi constituído a partir de narrativas autobiográficas. Para Freitas (2007), “o recurso à narrativa autobiográfica inscreve-se na ideia de que, ao narrarmos episódios com significado, os analisaremos de uma forma contextualizada, tentando que essa análise ponha em evidência emoções, experiências ou pequenos fatos marcantes, dos quais antes não nos tínhamos apercebido”. Assim, tal estratégia metodológica me permitiu refletir e analisar minha experiência como preceptora em um serviço de saúde metal, bem como olhar para os aspectos potentes e desafiadores desta experiência profissional. Também utilizei como estratégia metodológica, a realização de 12 reuniões quinzenais entre a residente e preceptores. Nestes encontros se discutia cada atividade desempenhada, sua valorização, importância e eficácia no crescimento comum da equipe multiprofissional, descrevendo-se o processo de trabalho dos preceptores e as experiências e identificação de suas competências observando o processo de educação permanente e o desenvolvimento de técnicas de trabalho. Dessa forma, me lancei no desafio de entender e compreender, a partir de minha experiência, a importância de uma preceptora do serviço social junto a uma residência de saúde mental coletiva. Minhas reflexões e análises indicaram que a preceptoria é uma atividade docente que envolve ações de ensino, pesquisa e assistência. As ações de um preceptor com formação em serviço social devem estar de acordo com o projeto ético-político da profissão, bem como com os princípios e as diretrizes do SUS, além de conhecer as exigências e competências necessárias para a formação do assistente social na saúde e compreender os determinantes sociais do processo saúde e doença, visando contribuir com a formação da residente de modo a qualificá-lo para atuação no SUS.
Abstract The present work has as objective discuss my performance as preceptor in a social service from preceptory of nucleus of collective mental health in São Lourenço do Sul, Rio Grande do Sul. One that the municipality received, in 2012, the program residence Multiprofessional in health (RMH) with emphasis collective mental health, together to partner with the Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul (ESP/RS), since I passed to integrate preceptory team that accompany the residences action. The method way realizes it was constituted in a according telling autobiography. Freitas (2007), “The resources to telling autobiography writing in a idea that to telling episode with significant we analyze in a context way, trying that this analysis put in evidence emotions, experiences or a little mark facts which that we didn´t know”. This way, the method strategy let-me reflect and analyze my preceptor experience in a mental health service, as well look at power aspect and challenge from this professional experience. I also used as method strategy, a charge of carrying twelve meetings in two weeks between a resident and preceptors which we discussed each one play activity, its value, importance and efficiency in a common growth team professional writing the preceptor work process and the performance and identify the permanent education process and work tecnic. This way, I launched challenge understand and comprehension, since my experience the importance of one social service preceptor together of collective mental health. My reflection and analyzes indicated that preceptory is a teaching activity that involve knowledge actions, research and assistance. The preceptor actions with graduate in social service should be in a according with professional project ethical politics, as well the beginning and the SUS straight, although know the requirement and necessaries competences in a graduating of the health social assistance understanding the social determinates in the process health and sick, aiming to contribute with a resident graduate in SUS action qualify.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/76066
Arquivos Descrição Formato
000892622.pdf (522.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.