Repositório Digital

A- A A+

Os editores gaúchos e o mercado do livro : mapeando impressões e ações acerca de um campo em transformação

.

Os editores gaúchos e o mercado do livro : mapeando impressões e ações acerca de um campo em transformação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os editores gaúchos e o mercado do livro : mapeando impressões e ações acerca de um campo em transformação
Autor Oliveira, Danusa Almeida de
Orientador Gruszynski, Ana Claudia
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação.
Assunto Livro eletrônico
Mercado editorial
Tecnologia digital
[en] Digital book
[en] Digital technologies
[en] Ebook
[en] Editors' club from Rio Grande do Sul
[en] Gaucho publishers
[en] Publishing market
Resumo A investigação mapeia impressões e ações de editores gaúchos acerca da introdução das tecnologias e das redes digitais no mercado editorial, com o objetivo de identificar e problematizar aspectos que indicam mudanças em estruturas, práticas e processos de edição associados ao livro. É uma pesquisa de caráter exploratório, que proporciona uma visão geral e do tipo aproximativo sobre a questão em estudo. O universo escolhido para análise tem como recorte uma associação local – Clube dos Editores do Rio Grande do Sul – que congrega 21 editoras de diferentes portes sediadas e vinculadas ao Estado. Os procedimentos metodológicos adotados abrangeram as pesquisas bibliográfica e documental e a realização de entrevistas semiestruturadas realizadas presencialmente e por meio de formulário eletrônico. Foram contatadas todas as editoras filiadas, obtendo-se o retorno de 11 editores. Os resultados mostram (1) a dificuldade, por parte dos editores, de apreender e compreender todos os fatores que envolvem a introdução das tecnologias e das redes digitais que abrangem a produção e a circulação de conteúdos/livros; (2) o redimensionamento e a complexificação da noção de cadeia produtiva do livro; (3) a atuação ainda tímida de editoras sediadas no Rio do Sul no que se refere a e-books; (4) a demanda pela renovação de conhecimentos por parte dos profissionais atuantes no mercado editorial, assim como o estabelecimento de parecerias entre empresas e/ou profissionais como fatores representativos da reconfiguração de estruturas e processos de produção; (5) a percepção dos editores gaúchos de que são agentes inseridos em um mercado que muda em dimensões globais, onde as noções de local, nacional e internacional estão articuladas; (6) a perspectiva de convivência entre edições impressas e digitais; (7) a força do papel governamental como principal comprador de livros por meio de seus programas de incentivo à leitura, agente que tem assim poder de determinar o direcionamento de ações vinculadas ao mercado.
Abstract The Research maps impressions and actions of Gaucho editors about the introduction of technologies and digital networks in the publishing market aiming to identify and discuss aspects that indicate changes in the structure, practice and processes associated with the editing of books. It is an exploratory research that provides an overview on the issue under study. The universe chosen for analysis is a local crop - Editor's Club of Rio Grande do Sul - which brings together 21 publishing houses with different sizes and located in the state. The methodological procedures cover the bibliographical research, the documental research and conduction of semi-structured interviews realized in person and through electronic form. The contact with all the affiliate publishing houses resulted in 11 editors who answered back. The results show (1) the dificulty editors have in learning and understanding all the factors that the introduction of new Technologies and digital networks which cover the production and circulation of contentes/books; (2) The complexity and resizing of the notion about the book production chain; (3) The still shy performance of publishers based in Rio Grande do Sul regarding e-books; (4) the demand for the renewal of knowledge on the part of professionals working in the publishing market, as well as the establishment of partnerships between companies and / or professionals as representative factors of reconfiguration of structures and processes of production; (5) the perception of gaucho editors that they are agents embedded in a market that changes in global dimensions, where the notions of local, national and international levels are articulated; (6) the prospect of coexistence between printed and digital editions; (7) the strength of the role of government as the main buyer of books through its programs to encourage reading, so it becomes an agent who has power to determine the direction of shares linked to the market.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/76087
Arquivos Descrição Formato
000892898.pdf (4.195Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.