Repositório Digital

A- A A+

Bovine respiratory syncytial virus : immunohistochemical detection in mouse and bovine tissues using a Mab against human respiratory syncytial virus

.

Bovine respiratory syncytial virus : immunohistochemical detection in mouse and bovine tissues using a Mab against human respiratory syncytial virus

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Bovine respiratory syncytial virus : immunohistochemical detection in mouse and bovine tissues using a Mab against human respiratory syncytial virus
Outro título Virus respiratório sincicial bovino : detecção por immunoistoquímica em tecidos de camundongos e bovinos usando AcM contra o vírus respiratório sincicial humano
Autor Almeida, Renata Servan de
Spilki, Fernando Rosado
Roehe, Paulo Michel
Verinaud, Liana Maria Cardoso
Arns, Clarice Weis
Resumo Desenvolveu-se um teste de imunohistoquímica (IHQ) para detecção do vírus respiratório sincicial bovino (BRSV) multiplicado em cultivo celular e em tecidos de camundongos e bezerros infectados experimentalmente, utilizando um anticorpo monoclonal comercial contra o vírus respiratório sincicial humano (HRSV), como uma alternativa para eliminar os custos de produção de anticorpos monoclonais específicos para o BRSV. Amostras clínicas de bezerros com sintomatologia respiratória foram analisadas. A técnica mostrou-se eficiente na detecção de antígenos do BRSV em traquéias (3, 5 e 7 dias pós-infecção) e pulmões (5 e 7 dias pós-infecção) dos camundongos infectados e em uma das três amostras de pulmões dos bezerros infectados experimentalmente. Amostras de pulmões de dois animais com infecção natural foram positivas para BRSV. Conclui-se que o teste de IHQ pode ser usado no diagnóstico das infecções por BRSV e na avaliação da distribuição dessas infecções nos rebanhos bovinos brasileiros.
Abstract An immunoistochemical (IHC) test was developed to detect bovine respiratory syncytial virus (BRSV) in cell cultures and tissues of experimentally infected mice and calves, using a commercial monoclonal antibody (Mab) against human respiratory syncytial virus (HRSV), as a less expensive alternative, instead of producing specific monoclonal antibodies to BRSV. Clinical samples from calves suffering respiratory disease were also submitted to this test. IHC detected BRSV antigens in mouse tracheas (3, 5 and 7 days post-infection) and lungs (5 and 7 days post-infection), and in one of three lungs from experimentally infected calves. Lungs samples from two naturally infected calves were tested and resulted positive for BRSV by the IHC test. These results suggest that this test may be used in the future for diagnosis as well as a useful tool to assess the distribution of BRSV infections in Brazilian herds.
Contido em Arquivo brasileiro de medicina veterinária e zootecnia= Brazilian journal of veterinary and animal sciences. Belo Horizonte. Vol. 58, n. 6 (2006), p. 973-981
Assunto Virus respiratorio sincicial bovino
[en] Bovine respiratory syncytial virus
[en] Calf
[en] Experimental infection
[en] Immunohistochemistry
[en] Mice
[en] Monoclonal antibody
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/76979
Arquivos Descrição Formato
000611380.pdf (577.0Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.